Seguindo critérios do Ministério da Saúde, Pinheiral inicia primeira etapa de vacinação contra a Covid-19

0

PINHEIRAL 

No município a vacinação contra a Covid-19 está acontecendo de acordo com a prioridade determinada na Nota Técnica, do Plano Nacional de Imunização (PNI) emitido pelo Ministério da Saúde (MS). A vacinação teve início nesta quarta-feira, dai 20, com a imunização dos profissionais da saúde, que estão na linha de frente e envolvidos diretamente com os pacientes suspeitos de infecção com a Covid-19 e idosos internados no Recanto dos Velhinhos Francisco Gonçalves Barbosa.

As primeiras doses da vacina foram entregues na tarde da última terça-feira, dia 19, no Ambulatório Municipal, localizado dentro do complexo do Hospital Municipal Aurelino Gonçalves Barbosa, no Centro.

Como a quantidade destinada para cada município é definida pelo Governo Federal, A equipe da Secretaria Municipal de Saúde de Pinheiral que recebeu no primeiro lote apenas 540 doses da vacina Coronavac possibilitando a vacinação de 260 pessoas, seguindo a Nota Técnica emitida pelo Ministério da Saúde, está priorizando a vacinação de enfermeiros, recepcionistas, médicos, técnicos de enfermagem, radiologia, laboratório, motoristas e profissionais de serviços gerais que trabalham no Centro de Triagem, Pronto Socorro, Hospital, Unidade Básica de Saúde da Família e Samu.

“Fizemos um estudo técnico bastante detalhado seguindo as orientações do Ministério da Saúde e a realidade do fluxo dos pacientes de Covid-19 no município, fizemos uma relação nominal dos profissionais que entendemos que são os que estão mais expostos ao Covid-19 e, após a realização da vacinação no grupo prioritário – que nesse momento são os pacientes idosos que estão em instituições de longa permanência e os funcionários que lidam diretamente com esses residentes -, e os profissionais de saúde da linha de frente. Ocorrerão reclamações pois não temos doses suficientes para vacinar a todos, mas assim que terminarmos essa primeira etapa, faremos uma redistribuição das vacinas que sobrarem e, assim que chegarem mais vacinas, vamos ampliar a vacinação dos profissionais de saúde como orienta o informativo de vacinação da Covid-19, publicado pelo Ministério da Saúde”, explicou o secretário de Saúde, Everton Alvim.

Ainda na terça-feira, em um momento histórico, o médico e diretor do Hospital Municipal, Edson Marques, de 69 anos, foi o primeiro residente de Pinheiral a ser vacinado. O prefeito de Pinheiral, Ednardo Barbosa, também estava presente e comentou sobre o momento que trouxe esperança para toda a população.

“Foi sem dúvidas um momento de muita felicidade para todos nós. Mesmo recebendo poucas doses, a oportunidade de iniciar a vacinação nos idosos do asilo e nos profissionais da saúde que estão todos os dias desde o início na linha de frente lutando contra essa doença, o sentimento é de gratidão e esperança. Nós estamos alcançando um ano desde o início de todo esse pesadelo que o mundo tem vivido, mas graças a Deus a vacina chegou e a expectativa é que a gente receba em breve mais doses para poderemos vacinar todos”, afirmou.

De acordo com as informações da Secretaria de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde, a vacina deverá ser administrada em duas doses com intervalo de duas a quatro semanas. É importante lembrar que todas as orientações de cuidado para evitar o contágio da doença como o distanciamento social, uso de máscaras e álcool em gel devem ser mantidas.

error: Conteúdo protegido !