Secretaria de Saúde de Barra Mansa afirma que números relativos à Covid-19 permanecem baixos

0

BARRA MANSA

Número estáveis de ocupação de leitos clínicos e de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) por casos de Covid-19. Essa afirmação é da prefeitura, através da Secretaria de Saúde. No dia 29 de novembro, após boletim divulgado, foi informado que dos 14 leitos de UTI disponíveis, dois estavam ocupados. Na enfermaria, das 22 unidades, 20 estavam disponíveis. Com relação a respiradores, dos 19 nenhum estava sendo utilizado.

Esses números, segundo o secretário de Saúde, Sérgio Gomes, refletem o avanço da vacinação na cidade e a manutenção dos protocolos sanitários. “Esta melhora dos indicadores é resultado do êxito da campanha de vacinação, que reduz o agravamento e a mortalidade pela doença”, ressaltou Gomes, enfatizando que o município também garantiu junto ao Ministério da Saúde a ampliação no número de doses. “São 6,6 mil novas vacinas para a nossa população”, completou.

A média de leitos se manteve neste período. No dia 25, 86% dos leitos de UTI e 91% dos leitos clínicos estavam disponíveis. Número que se repetiu no dia 26. Dia 27, apenas um leito dos 14 ofertados de UTI estava ocupado. Já dos 22 leitos de enfermaria disponíveis, três estavam ocupados. No dia 28, o número de leitos de UTI disponíveis foi de 79% e de leitos clínicos de 86%.

Sobre óbitos, dados mostram que em uma semana foram registradas três mortes, o que aponta declínio. Os atendimentos também tiveram queda, assim como internações nas Unidades de Pronto Atendimento. Na UPA Centro, a redução foi de 85,10%, no período de janeiro a novembro. Já no Centro de Triagem e Tratamento da Covid-19, na Região Leste, o número de internações caiu 91,30% e de atendimento, 82,08%, comparando os números registrados de janeiro ao fim do mês de novembro.