Sebrae Rio realiza rodada de entrevistas sobre o Empretec no Médio Paraíba

0

SUL FLUMINENSE

Acontece até o próximo dia 30 uma rodada de entrevistas para seleção dos participantes do programa Empretec, do Sebrae Rio. A turma começa no dia 6 de junho. Ao todo serão 60 horas e terminando no dia 11 de junho.

A proposta é que a metodologia seja concluída em seis dias intensos. Durante o processo, os empreendedores são apresentados a solução com metodologia desenvolvida pela Organização das Nações Unidas (ONU), que está licenciada, com exclusividade, ao Sebrae, há mais de 25 anos. Atualmente, é trabalhado por todos os estados brasileiros e já foi implantado em mais de 51 países, estando presente em quatro continentes. São eles: América, África, Europa e Ásia.

Segundo o Gestor do Empretec do Sebrae Rio, Renan Barbosa, no mundo todo, são mais de 500 mil ‘empretecos’. “O Brasil é o país em maior destaque de ‘empretecos’, com aproximadamente 280 mil concluintes. Ao longo da jornada, o Empretec irá maximizar o potencial empreendedor do indivíduo, despertando as oportunidades de negócios existentes, além da ampliação da sua capacidade de resiliência perante as adversidades”, comenta.

O processo para participar do Empretec consiste em três etapas: palestra – entrevista – seminário. Destinado a quem já possui um empreendimento ou quem deseja abrir seu próprio negócio. O seminário será presencial, com todas as devidas prevenções sanitárias. Para participar é necessário passar por uma entrevista promovida pela coordenação do Sebrae Rio. A palestra e entrevista são gratuitas. Essa imersão ao empreendedorismo de seis dias tem um custo, mas a instituição subsidia parte desse valor.

As palestras, entrevistas e o seminário são oferecidos ao longo do ano. Para participar do Empretec, o empreendedor deve entrar em contato pelo WhatsApp (24) 3347-3481.

Empretec

Com metodologia desenvolvida pela ONU, o seminário é uma das ferramentas mais importantes de capacitação empresarial disponível no país e oferece ao empreendedor uma completa imersão no tema, além de desenvolver capacidades, estimular competências e atitudes empreendedoras. O método envolve atividades que vão avaliar o planejamento atual da empresa ou a capacidade que o empreendedor tem para solucionar problemas.

Sua abordagem central gira em torno da prática de comportamentos empreendedores, como por exemplo: busca de oportunidade e iniciativa, persistência, correr riscos calculados, exigência de qualidade e eficiência, comprometimento, busca de informações, estabelecimento de metas, planejamento e monitoramento sistemáticos, persuasão, rede de contatos, independência e autoconfiança.