Sassaricando – Oscar Nora – 23 de janeiro de 2019

0

Arquivo: Jornal dos Sports

 

Foto: Divulgação

Amanhã à noite, no Rio, será realizado o sorteio da Copa América Brasil 2019. O pentacampeão mundial Cafú será o condutor do sorteio dos Grupos. Seus assistentes serão Diego Lugano, Javier Zanetti, Marta, Francisco Maturana, Romerito, Zé Roberto e Zico. O Brasil sedia a Copa América depois de 30 anos quando foi campeão e o Uruguai o vice.

 

Por Falar na Copa América e em jogo entre as seleções do Brasil e do Uruguai, gosto de relembrar uma partida 60 anos atrás, 1959, envolvendo as duas seleções, o lateral barra-mansense Coronel e o atacante barrense Paulo Valentim, na Copa América na Argentina. Campeões mundias em 1958, os brasileiros ainda não haviam digerido a derrota para o Uruguai no Maracanã com a perda do título mundial de 1950. A forte rivalidade estava no ar.
+
Quando Almir Pernambuquinho e William Martinez se chocaram violentamente e o goleiro uruguaio foi à nocaute, começou uma grande briga. Como relataram nossos colegas, nas páginas do Jornal dos Sports, foi “briga de foice no escuro” e “o pau comeu solto na noite portenha”.
+
“ …nesse momento, com Almir e Martinez no chão, Pelé se aproximou e chutou a cabeça de Davoine, zagueiro e capitão uruguaio, que já o havia atingido na etapa inicial. Didi, numa posição estratégica, surgiu no ar aplicando uma terrível e acrobática tesoura voadora num uruguaio que havia atingido Bellini”. “…Enquanto Coronel protegia o chefe da delegação brasileira Mendonça Falcão do furioso Davoine, que acabara de ser expulso, Paulo Valentim nocauteava um adversário que perseguia o rápido ponta esquerda Chinezinho”.
+
Passada a tempestade, dias depois, na decisão contra a Argentina, ao Brasil só interessava a vitória para ser o campeão, mas empatava com os portenhos em um a um. “Aos 45 minutos do segundo tempo, Garrincha driblou seus marcadores, entrou na área, passou pelo goleiro e quando ia chutar para marcar o gol da vitória, o juiz descaradamente apitou o final da partida”. Fim. Nova pancadaria.
+

Hoje à noite a seleção brasileira Sub 20 enfrenta a seleção chilena. Para avançar ao hexagonal final do Sul-Americano, os brasileiros precisam ficar entre os três primeiros colocados do grupo que se completa com a Bolívia, Colômbia e Venezuela. O Sul-Americano Sub-20 distribui 4 vagas para o Mundial da categoria, na Polônia, entre os meses de maio e junho deste ano. Os três primeiros colocados também garantem presença no Pan-Americano, em Lima, entre julho e agosto.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !