Santa Casa de Barra Mansa realiza primeiros transplantes de córneas

0

BARRA MANSA

A Santa Casa de Misericórdia de Barra Mansa realizou no fim da tarde de terça-feira, dia 5, duas cirurgias de transplante de córneas. As cirurgias foram consideradas um sucesso pela equipe médica e inauguram a habilitação de cirurgias de transplante de córneas do hospital. “O primeiro transplante de córnea foi realizado sem intercorrências, a equipe ficou satisfeita com o resultado cirúrgico imediato”, afirmou a médica responsável pela cirurgia, Ely Regina Alves de Oliveira Brasil.

Ana Maria de Andrade tem 74 anos. Ela foi quem inaugurou o novo serviço oferecido pela Santa Casa. Nesta quarta-feira, dia 6, ela já recebeu alta e a família ficou animada com o resultado. “Ela ficou dois anos em tratamento, mas demorou pouco para o transplante. Esperamos um mês e ela já foi operada na sua própria cidade. Isso é muito bom porque assim a gente também está mais perto”, disse a filha, Lindamar Menezes Arruda.

Também operada pelo Sistema Único de Saúde (SUS), Delina de Souza Freitas, de 70 anos, recebeu alta nesta quarta de manhã.

“Essas cirurgias representam um enorme passo para a resolução das alterações corneanas cirúrgicas sem que o paciente tenha que se deslocar para outros municípios e/ou estados”, reforçou a cirurgiã.

Para o diretor médico da Santa Casa, Elder Sarmento, as cirurgias marcam uma nova era na entidade. “É uma grande conquista. As cirurgias foram ótimas, as pacientes já foram para casa e estamos caminhando a passos largos para outras habilitações de transplantes”, adiantou o diretor.

“A habilitação para execução do procedimento realizado ilustra o nível de excelência atingido por esta secular instituição. Parabéns a todos que, com muita dedicação, competência e amor ao próximo, contribuíram para esta grande conquista para nossa região”, completou o provedor da entidade, Getúlio Pereira.

MUTIRÃO OFTALMOLÓGICO É NESTE SÁBADO

O mutirão de consultas oftalmológicas retoma suas atividades neste sábado, dia 9. Pacientes dos bairros Nove de Abril, Getúlio Vargas e Vila Delgado, com consultas previamente agendadas nas unidades básicas de saúde (UBS’s) das referidas localidades, devem se encaminhar ao Centro de Especialidades Médicas (CEM), localizado ao lado da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no Centro, entre 9 e 13 horas, para receberem o atendimento.

A iniciativa da prefeitura tem a finalidade de zerar as demandas de cerca de seis mil consultas, em um prazo de seis meses – a ação teve início em abril. Até o momento, aproximadamente 480 pacientes já foram beneficiados com a medida.

De acordo com o coordenador do mutirão, o oftalmologista Álvaro Salles, durante o atendimento quando são constatadas a necessidade de novos exames ou procedimentos de maior complexidade, os pacientes são encaminhados para o Hospital de Olhos, que fica na Santa Casa de Barra Mansa. “Durante o mutirão identificamos e fazemos o encaminhamento dos casos mais graves ao Hospital de Olhos. Por exemplo, os de baixa visão, como catarata, glaucoma, doenças da retina”, explicou Salles, destacando que o mutirão atende uma demanda reprimida no município, com alguns pacientes aguardando atendimento há mais ou menos quatro anos.

Salles revelou ainda que todos os atendimentos durante o mutirão são daqueles pacientes que procuraram consulta até março deste ano. Os dos meses seguintes, abril e maio, já devem começar a serem atendidos em julho. “A partir do mês que vem devemos voltar à rotina normal de atendimentos”, finalizou.