Samuca Silva pede que grupo de risco com sintomas da Covid-19 procure hospital para o tratamento com nitazoxanida

0

VOLTA REDONDA

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva,  durante live de atualização nessa terça-feira, dia 14, informou que as unidades de saúde do município receberam a informação do protocolo da nitazoxanida e pediu para que pessoas do grupo de risco, que estejam com sintomas da Covid-19, busquem uma unidade de saúde para iniciar tratamento. Samuca ainda relatou que a rede pública terá mais dez leitos de UTI a partir de quinta-feira, dia 16, e que a intenção é levar todos os casos de Covid para o Hospital de Campanha.

Na ocasião, o prefeito falou do protocolo de saúde para tratamento da doença, adotado no último dia 29 de junho. “O cidadão pode procurar qualquer unidade, principalmente os Centros de Triagem, que é o da 249, Vila Mury, Volta Grande, São João, e no Raulino de Oliveira”, afirmou, pedindo que os idosos e pessoas do grupo de risco fiquem atentos aos sintomas. “Se tiver uma dorzinha na garganta, febre ou incomodo gripal, procure nossa unidade de atendimento, é importante que a medicação seja feita nos três primeiros dias de sintomas, sendo administrada de 8 em 8 horas, com acompanhamento médico”, afirmou.

Samuca ainda informou que está sendo finalizada a instalação dos dez leitos no Hospital de Campanha, que foram recebidos na última semana e que, provavelmente, será concluída na próxima quinta-feira, dia 16, aumentando para 37 o número de leitos para a Covid na rede municipal. “Os equipamentos foram cedidos ao município e nós temos que avaliar tudo, cabeamento, gerador de energia, entre outras coisas, para não colocar pessoas em risco”, disse, completando que a intenção é limpar a rede. “Queremos pegar todos os pacientes do coronavírus e encaminhar para o Raulino de Oliveira”, finalizou.

error: Conteúdo protegido !