Samuca e Granato se reúnem com ministro dos Transportes em Brasília

0

Durante reunião ontem em Brasília, o prefeito Samuca Silva (Sem Partido) e o presidente da Câmara de Vereadores, Washington Granato (PTC), se reuniram com ministro dos Transportes, Valter Casimiro. Também participou o assessor do Legislativo, Ronaldo Alves. Eles trataram sobre a recepção da Rodovia do Contorno pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) de forma oficial. Além disso, foi apresentado um cronograma de municipalização do trecho interno de Volta Redonda da BR-393, aproximadamente 12 quilômetros que vai da altura do bairro Santo Agostinho até Santa Inês.

O prefeito afirmou que o ministro se comprometeu a acelerar os trâmites internos para que a Rodovia do Contorno seja reconhecida pelo Dnit oficialmente como uma rodovia federal. Samuca informou que em 15 dias o Ministério dos Transportes apresentação um cronograma de municipalização do trecho interno da BR-393. “A partir dessa mudança nós teremos a gerência desse trecho e além da manutenção, podemos por exemplo, mexer nos estacionamentos que são uma angústia da nossa população na 207, em frente ao shopping e na Getúlio Vargas, que é uma reclamação antiga dos comerciantes da Amaral Peixoto”, explicou o Samuca.

O presidente da câmara, Granato, contou ao A VOZ DA CIDADE que há cerca de três meses esteve em Brasília com Ronaldo Alves, conversando com o ministro sobre a municipalização do trecho da BR-393, que passa dentro de Volta Redonda. “Estamos preparando a revisão do plano diretor e verificamos a possibilidade de várias intervenções da prefeitura no trecho. Temos possibilidades de colocar ali ciclovias, corredor de ônibus e resolver o problema de estacionamento em vários pontos, mas precisava dessa autorização do ministério. O prefeito não pode vir da primeira vez, tivemos essa conversa inicial e marcamos para hoje (ontem) com a presença do Samuca”, disse, completando que a municipalização será feita em duas etapas. A primeira será o convênio já repassando para a prefeitura a responsabilidade e a segunda seria a municipalização de fato.

Para o prefeito, essas são grandes vitórias para a população de Volta Redonda. “Isso é uma vitória do Poder Legislativo, do presidente da câmara e também do Poder Executivo. É uma união de esforços em prol da população de Volta Redonda”, frisou o prefeito.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !