Rodrigo Drable fala de conquistas e do futuro no aniversário da cidade

0

O município completou ontem 185 anos. O tão esperado desfile cívico pela Avenida Joaquim Leite foi adiado em decorrência das chuvas. A previsão era que seis mil pessoas participassem, entre estudantes, professores, grupos, entidades e público em geral. A decisão foi informada pelo prefeito Rodrigo Drable (PMDB) por volta das 7 horas, duas horas antes do horário marcado para acontecer. Ao A VOZ DA CIDADE, o prefeito concedeu entrevista falando das conquistas, o que a cidade pode comemorar e sobre o futuro.

A respeito do desfile, que ainda será marcado para acontecer em nova data durante reunião a ser realizada hoje, Rodrigo Drable disse que o maior da história de Barra Mansa foi planejado, mas em função da chuva decidiram adiar. “Nosso desejo de realizar o desfile não pode ser maior que a preocupação com nossas crianças. Quem não gostou do adiamento é quem não tinha criança para levar e isso é compreensível. Mas eu tenho compromisso, como pai, de preservar a integridade dos filhos de todos os barra-mansenses e não apenas da minha filha”, destacou, pedindo que a população volte a participar em virtude do grande esforço para a realização da festa.

O Centro Estratégico de Segurança Pública (Cesp), localizado na Avenida Joaquim Leite, próximo à Igreja Matriz de São Sebastião, também teria sua sede inaugurada ontem, antes do desfile, mas o evento foi cancelado e remarcado para esta quinta-feira, às 18h30min. Serão 72 câmeras espalhadas por toda a cidade e as três forças de segurança serão integradas pelo Cesp: Polícia Civil, Polícia Militar e Guarda Municipal; além da Defesa Civil e Corpo de Bombeiros.

A respeito dos dez meses de sua administração e questionado se Barra Mansa pode comemorar em seu aniversário, o prefeito avalia que sim. Citou a reabertura da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) que atende 700 pessoas por dia, o retorno da UTI Neonatal, escolas reabertas, quadras, praças, creches e unidades escolares inauguradas, salários pagos antes do vencimento, além do município ter sido o primeiro do estado a depositar parte do 13º salário. “Conseguimos avançar bem apesar de todas as dificuldades, e sabemos que o próximo ano será muito difícil”, adiantou o prefeito.

Drable explicou que a receita vem caindo muito em função da perda de faturamento da Dupont. “É uma contribuinte de ICMS grande e que somadas a outras perdas de empresas teremos menos R$ 122 milhões na arrecadação em 2018. Temos consciência da dificuldade e temos feito um esforço para equacionar para o bem da cidade, mas sem ilusão. Vamos trabalhar muito para o futuro ser melhor”, esclareceu Rodrigo Drable.

Segundo o prefeito, o ICMS entra para incrementação de receita depois dois anos. Por exemplo, hoje a cidade colhe os frutos do que foi arrecadado em 2015. No próximo ano, o que foi conquistado em 2016.

PARQUE TECNOLÓGICO

O Parque Tecnológico do Sul Fluminense será em Barra Mansa. Ele será uma importante peça para aquecer a economia, pois abrigará incubadoras de empresas e startups. E o parque, que será no antigo terreno da Edimetal, já está sendo disputado. No dia seguinte da assinatura do protocolo de intenção, o prefeito contou que duas empresas estão com negociação adiantada e mais três iniciando negociação.

HERANÇA

E com dez meses à frente da administração pública, Rodrigo Drable disse que o que foi conquistado até aqui foi na base de muito trabalho e suor, até porque a prefeitura estava com dívidas herdadas pela administração anterior de Jonas Marins. Ele contou que somente com a folha de pessoal atrasada foram pagos R$ 30 milhões e outros R$ 6 milhões de despesas diversas de fornecedores essenciais. “Totalizando R$ 36 milhões, dinheiro suficiente para recapear 120 quilômetros de rua”, completou.

PRÓXIMOS PASSOS

O fato de o salário estar em dia e o pagamento de parte do 13º salário, já é motivo para comemorar, segundo o prefeito, tendo em vista toda a crise econômica. Porém, existem metas a serem ainda alcançadas neste ano. O prefeito contou que pretende concluir todos os empreendimentos iniciados, atraindo e lançando as novas empresas para Barra Mansa. E além, espera o retorno das obras de readequação ferroviária, o conhecido pátio de manobras.

E para o ano que vem mais conquistas. Adiantou que sete escolas em período integral serão inauguradas em Barra Mansa. Isso servirá para dar mais oportunidades aos jovens no mercado de trabalho, nas universidades, além e afastá-los das ruas oferecendo caminhos para crescimento efetivo.

Aos barra-mansenses, Rodrigo Drable agradece o apoio dado, apesar de todas as dificuldades encontradas. “Preciso, a nossa equipe precisa que esse apoio permaneça porque enfrentar as dificuldades sozinho é difícil, mas quando enfrentamos ao lado de um povo caloroso as coisas ficam mais suaves para serem resolvidas”, concluiu.