Resende realiza mutirão de combate contra a dengue no fim de semana

0

RESENDE

Neste fim de semana ocorreu novo Mutirão da Dengue no município. No sábado, 23, foram visitados os imóveis da Vila Julieta visando recolher materiais que podem se transformar em criadouros do mosquito Aedes aegypti, identificar e tratar focos domiciliares, além de conscientizar moradores sobre as medidas preventivas. Já no domingo, o mutirão ocorreu nos bairros Liberdade e Nova Liberdade. O balanço da atividade deve ser divulgado nesta segunda-feira, 25.

O Mutirão contou com o trabalho de integração entre equipes da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos, do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), da Divisão de Fiscalização de Posturas e da Defesa Civil de Resende. Além disso, o Comitê contou com o apoio da Cruz Vermelha e da Academia Militar das Agulhas Negas, que também auxiliou com caminhões para se juntarem a frota da prefeitura.

No sábado a meta foram as visitas aos imóveis da região da Vila Julieta, no Grande Manejo

De acordo com a superintendente de Vigilância em Saúde, Carolina Bittencourt, foram aproximadamente 170 profissionais envolvidos no trabalho durante o fim de semana, abrangendo cerca de 5.500 imóveis. A superintendente lembra, no entanto, que a iniciativa só dará os resultados esperados com a colaboração da população. “É sempre importante estar atento. E caso identifique algum imóvel com possíveis focos do Aedes aegypti, é recomendado denunciar para a Ouvidoria”, explica superintendente. O contato da Ouvidoria da Prefeitura de Resende atende pelo telefone gratuito 162.

O trabalho preventivo também promoveu a retirada de entulho nos bairros

PREVENÇÃO

Um dos principais objetivos do mutirão é controlar preventivamente a incidência dos focos do mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika. A ação é focada em áreas de maior tendência a conter criadouros e ocorre mesmo durante o período considerado de chuvas, quando os recipientes que acumulam água tornam-se mais perigosos.