Rede Municipal de Volta Redonda se prepara para a volta às aulas de mais de 20 mil alunos

0

VOLTA REDONDA
As 104 unidades da Rede Municipal de Ensino, entre elas creches, seguem a preparação para a volta às aulas na próxima segunda-feira, dia 13. De acordo com a Secretaria Municipal de Educação (SME), são mais de 20 mil alunos que estarão retornando às aulas. O retorno das atividades escolares ocorrerá em sistema híbrido, online e presencial, após profissionais da Educação terem recebido a aplicação da segunda dose da vacina contra Covid-19.
De acordo com a secretária Municipal de Educação, Therezinha Gonçalves, a Tetê, a volta será para todos que optarem pelo ensino híbrido, desde a Educação Infantil até o Ensino Médio, incluindo a Educação de Jovens e Adultos (EJA). Estão previstas atividades remotas para o complemento da carga horária diária.
Disse também a secretária que, neste momento, será respeitado o limite de até 50% de alunos em sala de aula, previsto em protocolos sanitários. Além do quantitativo, será levado em conta o tamanho de cada sala. Se o número de estudantes for maior que os 50%, a turma terá um rodízio: um grupo por semana. Quem não estiver na sala de aula, estará acompanhando pela plataforma online. “A SME também se organizou para receber alunos que queiram fazer refeições no colégio. Todo estudante terá direito, conforme o horário pré-estabelecido pela escola. Para saber mais, é preciso ligar para a unidade escolar”, disse a secretária.
PRESENÇA DO ALUNO SERÁ DECIDIDA
A presença do aluno em sala de aula será decidida pelos pais ou responsáveis. No caso dos maiores de idade e do EJA, eles poderão optar pelo espaço físico ou virtual de ensino. Os que decidirem retomar as aulas presenciais assinarão um termo de compromisso com as orientações e normas de segurança. As aulas remotas continuarão sendo ofertadas somente àqueles que não aderirem ao modelo presencial.
No caso dos estudantes que não têm acesso à internet, a Secretaria de Educação seguirá providenciando o material impresso. “Estamos preparados para receber os estudantes. Todas as nossas escolas estão devidamente preparadas para o retorno e os profissionais orientados sobre os protocolos de segurança”, contou a secretária de Educação. Lembrou ainda que as equipes diretivas, pedagógicas, professores e demais funcionários participaram de formações específicas para aprenderem juntos a lidar com quaisquer eventualidades. Máscaras foram adquiridas para servirem de estoque nas escolas, caso algum aluno chegue à unidade sem a proteção facial. “Todos também terão a temperatura corporal aferida, além de uma escala de horários ter sido montada para entrada, alimentação e saída de pessoas, tudo para evitar aglomerações”, informou a secretária de Educação.
Para receber os alunos, as escolas passaram por melhorias estruturais. Também foram colocados tapetes sanitizantes, dispensers de sabão líquido e lixeiras com pedal. Papel toalha, frascos com álcool em gel 70% foram distribuídos por todas as unidades, em salas de aula e demais ambientes escolares. Equipe de limpeza foi treinada e está preparada para os cuidados contra a disseminação da Covid-19.
CARGA HORÁRIA NA VOLTA ÀS AULAS
As turmas de Educação Infantil terão carga presencial diária de duas horas e espera-se que em outubro, ela seja ampliada para três horas. O restante da carga horária será computada no ensino remoto, com atividades pela plataforma, e com uma aula semanal ao vivo. As turmas estão escalonadas para entrada de acordo com a necessidade de cada unidade que atende à Educação Infantil.
Já as turmas Anos Iniciais do Ensino Fundamental terão carga presencial diária de duas horas e trinta minutos, e espera-se que em outubro, essa carga seja ampliada para três horas. Não haverá intervalo. O restante da carga horária será computada no ensino remoto e nas atividades pela plataforma.
AULAS DE 50 MINUTOS
Os alunos das turmas dos Anos Finais do Ensino Fundamental terão aulas de 50 minutos. Permanecerão na escola por três horas diárias; entre as aulas não haverá intervalo. Terão dez minutos na entrada e cinco minutos entre uma aula e outra para os protocolos de higienização. O restante da carga horária será cumprido por meio das atividades remotas ou impressas oferecidas diariamente aos alunos. Os do Ensino Médio noturno terão todas as aulas presenciais, turmas do diurno terão de quatro a cinco aulas presenciais diárias, com intervalo após a segunda aula.
A Educação de Jovens e Adultos (EJA) , nos anos iniciais, as turmas terão aulas presenciais diariamente das 18 horas às 20 horas, e o restante da carga horária será computada no ensino remoto e nas atividades pela plataforma. Nos anos finais, as turmas terão aulas presenciais diariamente das 18h20 às 20h20, e o restante da carga horária será computada no ensino remoto e nas atividades pela plataforma.