Radares instalados na BR-393 voltam a funcionar, em Barra Mansa

0

Funcionário realiza ajustes para colocar em funcionamento novamente radar na BR-393, em Barra Mansa – Foto: Fábio Guimas

BARRA MANSA/VOLTA REDONDA
Radares instalados nas rodovias federais da região, que haviam sido desligados nos últimos dias, voltaram a funcionar. A informação foi confirmada pelo Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes). Na tarde desta segunda-feira (18), uma empresa que presta serviço ao departamento esteve na BR-393 (Rodovia Lúcio Meira) realizando reparos nos equipamentos que voltaram a operar no trecho entre Barra Mansa e Volta Redonda.

Segundo o Dnit, a suspensão do funcionamento dos radares fixos ocorreu por uma questão de restrição orçamentária, mas isso já foi resolvido. No trecho da Rodovia Lúcio Meira – entre Barra Mansa e Volta Redonda -, durante o período em que os redutores estiveram inativos, os equipamentos foram cobertos com sacos plásticos. No local, que corta uma série de bairros, o limite de velocidade é de 50 Km/h. Já na BR-101 (Rodovia Rio-Santos), muitos equipamentos também foram cobertos com sacos pretos.

Dnit garantiu que sacos plásticos sobre radares não estavam previstos em contrato e que processo foi instaurado para responsabilizar empresas – Foto: Fábio Guimas

Em nota enviada ao A VOZ DA CIDADE, o Dnit garantiu que não estava previsto em contrato a colocação dos materiais plásticos sobre os radares e que um processo de responsabilização às empresas foi instaurado.

Já a Polícia Rodoviária Federal destacou que durante o período em que os radares estiveram inativos, o órgão continuou atuando nos locais onde os equipamentos estão instalados, utilizando aparelhos móveis e atuando nos trechos com maiores índices de acidente, justamente para coibir o excesso de velocidade.

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !