Quinteto é preso suspeito de tráfico de drogas na Vila Paraíso

0

ITATIAIA

Cinco homens, um com idade de 31 anos, outro de 18 anos e três com 20 anos, foram presos na noite de quarta-feira, dia 19, por policiais do 37º Batalhão da Polícia Militar (BPM) suspeitos de tráfico de drogas no bairro Vila Paraíso. Na ação, os policiais encontraram um balde com três pés de maconha pesando 20 gramas, dois revólveres calibres 38 e 32, 11 munições calibres 38 e 32, duas gandolas camufladas e dois chapéus utilizados pelo Exército, caderno com anotações do tráfico, um saco com pinos plástico usado para embalar cocaína, a quantia em dinheiro de R$50 e quatro celulares.

Os militares receberam a informação de que homens estariam vendendo drogas no bairro Vila Paraíso. A denúncia ainda dava conta de que os suspeitos, teriam envolvimento em uma guerra de facções criminosas e estariam com armas de fogo, roupas camufladas e até colete balístico. Os policiais foram até uma residência localizada na Rua Azaleia. “Entramos em contato com um dos suspeitos. Ao ser questionado sobre a denúncia, ele confessou estar fumando maconha. Após autorização de familiares realizando buscas no imóvel e encontramos material usado para embalar drogas, caderno de anotação com a contabilização de drogas, três pés de maconha e quatro celulares”, contou um policial, informando que durante a revista avistaram três homens saindo pela cozinha. “Conseguimos abordar os homens. Já no interior do imóvel observamos que uma das janelas que dava para um terreno baldio estava aberta. Em buscas no terreno localizamos outro jovem escondido atrás de uma moita. Em diligência pelo local encontramos dois revólveres envoltos em uma camisa preta com as munições. Ao retornar a casa e mostrar os revolveres, todos os suspeitos disseram ‘perdemos’”, informou.

Os suspeitos e o material apreendido foram apresentados na 99ª Delegacia de Polícia (DP). O delegado titular Vicente Maximiliano autuou o quinteto por tráfico de drogas, associação para o tráfico e de acordo com a Lei do Desarmamento, por porte ilegal de arma de fogo e munições.

O quinteto será apresentado na Cadeia Pública de Volta Redonda para audiência de custódia.