Projeto #juntospelacultura atinge 30 mil pessoas com apresentações online e presenciais

0

VOLTA REDONDA

O projeto #juntospelacultura nasceu com a aproximação da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), Centro Cultural Fundação CSN e GACEMSS (Grêmio Artístico e Cultural Edmundo de Macedo Soares e Silva). Através da parceria das três instituições foi possível realizar no mês de julho – aniversário da cidade– diversas ações de forma online e presencial viabilizando a participação de artistas e fazedores de cultura de Volta Redonda.

Ao todo foram realizadas 31 atividades, entre espetáculos de dança e teatrais, shows, palestras, exposições e feiras com gravações e ao vivo. As ações realizadas movimentaram cerca de 300 profissionais, dentre artistas, fazedores de cultura, produtores e impactaram mais de 30 mil pessoas.

“Isso demonstra que a união foi capaz de descentralizar a cultura e torná-la acessível a todos em suas diversas expressões e formas”, afirmou Anderson de Souza, secretário de cultura de Volta Redonda.

A coordenadora do Centro Cultural Fundação CSN, Giane de Carvalho, destacou a parceria com a Secretaria de Cultura de Volta Redonda.

“O projeto #juntospelacultura veio reforçar a importância da parceria entre as instituições participantes, o que resultou numa programação diversificada para comemorar o mês de aniversário da cidade de Volta Redonda. Durante um mês, a ação trouxe para o público, produções de artistas locais e de outros estados do Brasil, fortalecendo também a importância da arte para nossas vidas neste período difícil de pandemia”, disse Giane de Carvalho.

A presidente do GACEMSS, Adriana Laureano Mussel, reforçou: “O #juntospelacultura foi um projeto de parceria com três grandes instituições de engrenagens diferentes, que proporcionou aos artistas da cidade mostrarem seu trabalhos e levou para a comunidade volta-redondense um aconchego neste momento que estamos passando. Foi um mês de muita cultura e arte diversa. Uma troca rica de experiências, com certeza, com resultados muito produtivos. Juntos somos e fomos mais fortes. Impossível caminhar sozinho, por isto essa parceria deu super certo”, enfatizou Adriana Mussel.

Reabertura de espaços culturais

O projeto, realizado no mês em que a cidade completou 67 anos, marcou também a reabertura da Biblioteca Municipal Raul de Leoni e do Memorial Zumbi dos Palmares, ambos localizados na Vila Santa Cecília, e que, passaram por revitalização e recuperação. Além disso, no último final de semana do mês, foi realizada a pintura da passarela do viaduto Nossa Senhora das Graças, marcando o início do projeto ‘Corredor Cultural Urbano’.

A primeira etapa foi o graffite de cobertura do teto da passarela, que foi totalmente revitalizada para receber a obra do artista Roberto Tommy, contemplado pelo edital da SMC. Em breve, a passarela vai receber exposições diversas.

“Esse é mais um projeto da secretaria de Cultura que ajuda da valorização dos patrimônios públicos e leva a cultura para mais perto da população”, frisou Anderson de Souza.

O secretário de Cultura afirmou ainda que o #juntospelacutura é uma prova de que não se pode pensar cultura sozinho. “Vamos continuar movimentando artistas de diversas áreas e democratizando a cultura. Essa foi uma das ações que objetivam valorizar nossa cidade, artistas, patrimônios e a nossa cultura”, finalizou Anderson.

error: Conteúdo protegido !