Programa de Defesa do Consumidor poderá receber melhorias em Resende

0

RESENDE

O Programa de Defesa do Consumidor (Procon) poderá receber melhorias de infraestrutura e de equipamentos. A proposta é do vereador Matheus de Oliveira (Podemos) que solicitou a prefeitura a reforma ou a construção de um novo local para a instalação do Procon. O parlamentar ainda sugeriu a aquisição de novos equipamentos de informática para o programa e a compra de novos coletes de fiscalização para os funcionários. As indicações do vereador Matheus foram aprovadas pelo Plenário e encaminhada ao Executivo.

Segundo Oliveira, a construção de uma nova sede ou a reforma das instalações do Procon, que atualmente está instalado no prédio do Sistema Nacional de Empregos (Sine), no bairro Comercial, visa proporcionar mais conforto para os profissionais e ainda melhorar o atendimento ao público. “A proposta é oferecer um espaço definitivo e adequado para a prestação desse importante serviço prestado pelo Procon. Solicito a viabilidade do Poder executivo construir uma sede própria, de forma a disponibilizar um local definitivo e adequado, assegurando um melhor desempenho das atividades dos funcionários e também melhor recepção dos munícipes que procuram atendimento”, disse o parlamentar. Ele ressalta, que caso não seja possível a construção de sede própria, seja feita reforma do local onde funciona o Programa. “A reforma do local é necessária para adequar o espaço para que o Procon possa desenvolver da melhor maneira possível seu papel, de forma a melhor acompanhar e ofertar o serviço aos munícipes que necessitam de apoio e, desse modo, cumprir com a nobre função social. A reforma poderá ofertar uma solução para os problemas emergenciais, de forma a sanar os transtornos os quais enfrentam atendentes e a população”, completa.

Matheus ainda sugeriu a administração municipal que seja feita a troca dos equipamentos de informática do Procon. “A proposta tem como objetivo oferecer equipamentos que permitam a melhor disponibilização dos serviços prestados aos consumidores. A substituição dos computadores e outros equipamentos de informática, vão promover a melhoria no desempenho das atividades dos funcionários”, explicou o vereador que também solicitou que a prefeitura disponibilize coletes de fiscalização para diligências dos funcionários. “A oferta de coletes para a atuação do Procon em diligências permitirá a melhor identificação de seus funcionários. Além disso, a população enxergará a atuação do Procon na averiguação dos fatos e na defesa de seus direitos”, complementou.