Procon-BM divulga pesquisa de preços de produtos de Páscoa

0

BARRA MANSA

Os preços dos produtos de Páscoa podem ser bem salgados para quem optar em não pesquisar antes de sair às compras. De acordo com o levantamento realizado pelo Procon de Barra Mansa durante esta semana, o valor do bacalhau do Porto pode variar de R$58,74 a R$79,80, o quilo. Uma diferença de R$21,06, que daria para comprar cerca de 350 gramas a mais do produto.

Mas, as disparidades dos preços não param por aí. É o caso do ovo de chocolate Classic ao leite, 185 gramas, que tem valor entre R$49,99 e R$37,90. Fato semelhante ocorre com o ovo de chocolate Tortuguita, 150 gramas, que tem variação entre R$ 29,87 a R$34,99. A pesquisa também analisou as variações de custos entre as caixas de chocolates sortidos. Os bombons da marca Garoto, 300 gramas, podem ser encontrados pelo valor mínimo R$7,95 e máximo de R$9,37.

O chocolate tem alta variação de preços, sobretudo os tradicionais ovos em seus diversos tamanhos e marcas

Segundo o coordenador do Procon-BM, Felipe Fonseca, a melhor medida para economizar em qualquer época do ano continua sendo a pesquisa de preços. “Antes de sair às compras vale a pena listar o que realmente é necessário e verificar em quais estabelecimentos os preços estão mais acessíveis. Outra dica super importante é não levar crianças para compartilhar desses momentos, principalmente os menores que têm dificuldades para compreender situações de ordem econômica”, destacou.

A pesquisa foi realizada em seis estabelecimentos da cidade e verificou o os preços de 19 ovos de páscoa, subdivididos em quatro marcas; além de quatro tipos de caixas de bombom sortidos e duas marcas de bacalhau. A consulta de preços deste ano não traçou comparativos com os valores praticados em 2018 em função da mudança na definição dos ovos de chocolate de número para peso.

A pesquisa do Procon analisou os preços dos ovos de chocolate em diversos estabelecimentos do município

Os fiscais do Procon-BM também verificaram os valores praticados na venda das caixas de bombom, um item com muita saída no período de Páscoa, em virtude do valor e diversidade de sabor. Abaixo, a relação dos produtos verificados:

A pesquisa também foi realizada para orientar sobre os valores praticados na venda do quilo do bacalhau. Os fiscais do Procon-BM verificaram o preço do bacalhau tipo Saith e o tradicional bacalhau do Porto. Confira abaixo a tabela dos preços nos estabelecimentos de Barra Mansa:

ORIENTAÇÃO PARA A COMPRA DE PEIXES

Devido à diversidade de tipos e estabelecimentos, o Procon-BM não analisou o preço do quilo do peixe, produto muito vendido neste período de Quaresma, antecedendo a Páscoa. Porém, o Procon orienta os consumidores sobre as características dos peixes e o que o cliente deve observar antes de levar o produto para casa. O pescado geralmente apresenta sinais que podem indicar a qualidade e o bom estado de conservação:

  • A pele deve estar brilhante e seu muco, se houver, deve ser translúcido;
  • A carne do peixe (caso opte por comprar filé) deve estar bem firme e elástica;
  • Peixes inteiros devem ter olhos salientes e bem brilhantes;
  • As escamas do peixe devem sempre estar bem aderidas à pele;
  • As brânquias são sempre avermelhadas, com tons de rosa ou vinho escuro;
  • O odor do peixe deve ser característico, porém suave, sem ser desagradável.

A temperatura de armazenamento também é um ponto importante a ser avaliado na hora de comprar peixe:

  • Pescados comercializados frescos: devem ser mantidos em gelo, com temperatura de -1 a 3°C;
  • Pescados comercializados resfriados: devem ser mantidos em temperatura no máximo a 3°C ou conforme especificação do fabricante;
  • Pescados comercializados congelados: devem ser mantidos em temperatura no máximo -12°C ou conforme especificação do fabricante.