PRF prende mais quatro durante Operação Égide

0

SUL FLUMINENSE

A Polícia Rodoviária Federal prendeu na quarta-feira, dia 27, mais três pessoas, desta vez em Itatiaia, Paraty e Angra dos Reis. As ações fazem parte da Operação Égide, que reforça o policiamento nas rodovias federais do estado.

Por volta das 23h20min, no km 319 da Rodovia Presidente Dutra, em Itatiaia, equipes PRF realizavam fiscalização quando abordaram um ônibus que fazia excursão Rio de Janeiro x São Paulo. Ao realizar verificação dos passageiros, os agentes constataram que um jovem, de 25 anos, tinha um mandado de prisão em aberto em seu desfavor por roubo, emitido em 20/08/2015 pela 2ª Vara Federal de Maceió, com validade de até 18/02/2029. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao indivíduo e a ocorrência encaminhada para a 99ª Delegacia de Polícia de Itatiaia.

PORTE ILEGAL DE ARMA

Horas antes, dois homens foram presos pela PRF, por porte ilegal de arma de fogo, em uma blitz na rodovia Rio-Santos (BR-101), em Paraty. Eles tentaram fugir ao perceberem que seriam abordados.

Segundo os agentes, equipes do motopoliciamento abordavam veículos na altura do km 532, quando desconfiaram de uma dupla numa motocicleta. Ao se aproximarem, os suspeitos desobedeceram a ordem de parada e iniciaram uma fuga em alta velocidade. Entretanto, acabaram sendo alcançados pelos motociclistas da PRF.

Após revistarem a dupla, os policiais encontraram uma espingarda calibre 32, além de cinco munições. O material estava escondido numa mochila. Os homens afirmaram que seriam caçadores, mas não possuíam nenhuma documentação. A arma também não tinha numeração.

A ocorrência foi encaminhada para a 167ª DP (Paraty).

FORAGIDO

No mesmo dia, um homem foragido da justiça foi preso pela PRF, em uma blitz na rodovia Rio-Santos (BR-101), em Angra dos Reis. Ele possuía dois mandados de prisão preventiva.

Equipes do motopoliciamento da PRF faziam a blitz na altura do bairro Perequê, quando desconfiaram do condutor de uma motocicleta e decidiram abordá-lo. Após consultarem os sistemas, os policiais verificaram que o homem era foragido da justiça.

O suspeito, de 29 anos, possuía dois mandados de prisão. Ele responde processos pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo e receptação. Os mandados foram expedidos em agosto deste ano pela 2ª Vara Criminal da Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

A ocorrência também foi encaminhada para a 167ª DP de Paraty.

error: Conteúdo protegido !