Prefeitura faz cadastro de artistas e espaços artísticos em Porto Real

0

PORTO REAL

A Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Turismo do município segue realizando o cadastramento de artistas e espaços artísticos no Sistema Municipal de Informações e Indicadores Culturais. O objetivo é gerar informações e estatísticas da realidade cultural dos artistas e espaços desse segmento no município.

Segundo secretário da pasta, Robson Paulino, o Sistema de Indicadores Culturais é constituído por dados referentes a bens; serviços; infraestrutura; investimentos; produção; acesso; consumo; agentes; programas; instituições e gestão cultural, entre outros. “Esse mapeamento é muito importante a fim de traçarmos o diagnóstico cultural do município. Através desses dados, podemos elaborar as estratégias de aplicação dos recursos, inclusive do auxílio emergencial da Lei Aldir Blanc. O auxílio ainda aguarda regulamentação do Governo Federal para ser disponibilizado. Também através do mapeamento será possível enumerar os requisitos para disponibilização desse e de outros benefícios futuramente”, esclareceu o Paulino, lembrando que o sistema será atualizado trimestralmente no site da Prefeitura de Porto Real.

Até o último dia 13, Sistema Municipal de Informações e Indicadores Culturais do município recebeu 28 cadastros entre artesãos, músicos, escritores, costureiros, profissionais de artes cênicas e de diversos outros segmentos do setor artístico.
Para realizar o cadastro basta acessar os links:

Artistas: https://bit.ly/3g4Xzra e entidades culturais: https://bit.ly/2Y3QeBL

A estudante Esther, de 14 anos, está confeccionando os mascotes virtuais que serão utilizados nos dispositivos de estudos remoto-Divulgação/PMPR

ESTUDANTE FAZ AVATAR PARA PLATAFORMA

A estudante Esther Aparecida Galdino Almeida, de 14 anos, da Escola Municipal Maria Hortência Nogueira, em Porto Real, foi convidada pela Secretaria de Educação, Cultura e Turismo do município, para confeccionar dois avatares ou mascotes virtuais que serão utilizados nos dispositivos de estudos remoto. A aluna foi contactada após ter realizado o cadastro como webdesigner no Sistema Municipal de Informações e Indicadores Culturais de Porto Real. “Ficamos muito satisfeitos ao verificar o cadastro e logo realizamos o contato com a Esther. Após uma conversa inicial, ela criou dois avatares, que serão utilizados pela Secretaria em nossas apostilas e no aplicativo Para Casa. Os mascotes são um menino, denominado ‘Enrico’ e uma menina, que passará por uma votação online para a escolha do nome”, explicou o secretário de Educação, Cultura e Turismo, Robson Paulino.

error: Conteúdo protegido !