Prefeitura descentralizou as ações e Papai Noel foi aos bairros entregar presentes

0
VOLTA REDONDA
Mais de três mil crianças da região do bairro Santo Agostinho participaram do último dia do Natal de Esperança, promovido pela prefeitura de Volta Redonda. No sábado, dia 23, foi a vez das crianças do bairro e região receberem os presentes das mãos do Papai Noel. As crianças tiveram um dia inteiro de diversão, distribuição de pipoca  e  algodão doce. E não faltou emoção na festa que aconteceu às vésperas do Natal.
O pequeno Luan, de apenas dois anos, ficou encantado com o Papai Noel. “Ano passado ele era muito pequeno. Esse ano é a primeira vez que ele vê o Papai Noel de pertinho. O fato de ser perto de casa, possibilitou esse encontro, porque hoje estou fazendo um monte de coisas para a ceia e jamais poderia parar e levá-lo à Vila”, disse a mãe do Luan, Priscila Santos.
De acordo com a secretária municipal de Cultura, Aline Ribeiro, a descentralização das atividades natalinas foi um sucesso e aprovada pela comunidade. “Temos relatos de muitas famílias que realmente não tinham como pagar as passagens para ir ao centro. Tivemos ótimos retornos da população. Ano que vem nossa pretensão é aumentar a quantidade de bairros e, de repente, estender esse período em que o Papai Noel vai até à comunidade entregando presentes”, contou Aline.
Quem também gostou da visita do bom velhinho ao bairro foi Estefânia Almeida Fury, que levou sobrinhos e filhos para a festa. “Só deu para trazer todas as crianças da família porque estamos perto de casa. Ajuda muito na segurança também. Porque não é fácil andar com tanta criança de uma vez só”, disse.
Já o montador Ronaldo Moraes tinha só uma criança para levar, mas também achou melhor que o Papai Noel estivesse perto de casa. “Agora meu filho conseguiu ver o Papai Noel. Quando era na Vila apenas, nunca dava para ir e ficar naquela fila imensa. Ele não gosta de tumulto. Hoje deu tudo certo e ele conseguiu tirar uma foto com o Papai Noel”, contou.
Coral da Igreja Batista Central encerra as atividades natalinas na Praça Brasil
No Natal de Esperança, a Praça Brasil, na Vila Santa Cecília não ficou sem atividades. Além de estar muito bem decorada e atraindo visitantes de várias cidades do interior do Estado do Rio, as cantatas foram uma atração a parte. “Essa programação é outra situação que deve ser estendida no próximo ano. Já tivemos outros corais que nos procuraram querendo se apresentar em 2018. Muita gente elogiou”, afirmou Aline.
O prefeito Samuca Silva reforçou que o objetivo do Natal de Esperança foi levar o clima natalino para toda a cidade.
” Essa ideia de aumentar os bairros atendidos é muito boa. Toda a população de Volta Redonda pode participar dessa magia que é o Natal. A virada de ano também tem novidade. Vamos fazer a festa na Vila, com queima de fogos e com shows. Vai ser uma festa muito bonita e para a população de Volta Redonda celebrar o ano que está acabando com excelentes notícias e iniciar 2018 com muito otimismo “, disse o prefeito.