Prefeitura assina protocolo de intenções para a instalação de um Hotel-escola em Itatiaia

0

ITATIAIA

O município poderá ser contemplado com um Hotel-escola voltado para a formação de profissionais na área de hotelaria. A prefeitura, por meio das Secretarias de Desenvolvimento Econômico e de Meio Ambiente assinou nesta quarta-feira, dia 17, uma Carta de Intenções com representantes do Hotel Conora. Com o acordo, que envolve também as Secretarias de Educação, de Trabalho, Emprego e Geração de Renda e de Turismo, o município manifesta interesse em utilizar as instalações do estabelecimento para disponibilizar para a comunidade cursos técnicos no setor de hotelaria. A assinatura do documento aconteceu no Palácio Campo Belo, na sede da prefeitura.

Segundo Xavier, a proposta da prefeitura é disponibilizar para a comunidade cursos na área de Hotelaria

Segundo Xavier, a proposta da prefeitura é disponibilizar para a comunidade cursos na área de Hotelaria-Ariane Alves/ASCOM PMI

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, José Luiz Ribeiro Xavier, implantar um espaço voltado para a formação de profissionais na área de hotelaria é uma excelente notícia para o morador de Itatiaia. José Luiz disse que a proposta da prefeitura é disponibilizar para a comunidade, inicialmente, cursos de formação e qualificação de profissionais para atuar em hotéis e restaurantes da cidade e região. “O setor de hospedagem passa por grandes transformações, com o mercado mais competitivo e clientes cada vez mais exigentes. Investir na formação de gerentes, garçons, maîtres, cozinheiros, camareiras, recepcionistas, dentre outros, atende uma demanda que é constante em nosso município. Capacitar profissionais para receber, servir e cuidar dos turistas que visitam Itatiaia será um diferencial importante”, explica Xavier.

O secretário de Meio Ambiente, Rodrigo Freitas, destaca a importância do documento firmado. “Ao assinar a Carta de Intenções o Governo Municipal encontra solução para uma questão que se arrastava há anos. Havia uma pendência judicial relacionada ao Hotel na área de meio ambiente. Ao aproveitar o espaço do Conora como Hotel-escola, a administração municipal atende plenamente o Judiciário, que desejava uma solução para esta demanda”, comenta Freitas.