Pré-candidato a vereador defende renovação na política

0

RESENDE

Aos 26 anos, Ildo Bruno é pré-candidato a vereador. Ainda buscando um partido político, contou que quer uma legenda que lhe dê liberdade para atuar no Legislativo. Na escolha do partido destacou que prezará pela coerência de ideias, princípios e benefícios que vão atender as demandas da cidade. Ele defende a renovação na política. “Sempre gostei de política, mas não participava tão ativamente. Percebi que conseguimos mudar quando participamos do processo”, destacou.

Segundo Ildo Bruno, desde o primeiro ano de faculdade, há sete anos, percebeu um chamado na política. Comunicólogo e publicitário, se formou na AEDB, em Resende. Na faculdade foi eleito membro do diretório acadêmico e ano passado, mesmo já formado, recebeu 600 votos para ingressar a Associação Atlética Acadêmica Dom Bosco, instituição promotora de esportes na AEDB. Foi o primeiro presidente eleito.  “Uma Atlética Universitária tem que ter responsabilidade social, envolver a comunidade acadêmica com causas e projetos sociais é dever do presidente”, disse, contando que sua gestão promoveu algumas ações, como I Torneio Universitário de Doação de Sangue (TUDS), idealizado por ele e executado em parceria com todas as Atléticas de Resende. Além disso, a Atlética contribuiu com a alimentação e bem estar de dois projetos sociais em Resende: Comunidade Emaús (Baixada da Olaria) e Projeto Esperança no Futuro (Jardim Beira-Rio).

Segundo o pré-candidato, há um tempo tem frequentado as sessões da câmara e visto quando elas são contraproducente. É também o criador de uma página no Facebook, Resende Livre. O jovem é associado ao Movimento Livres, um movimento político suprapartidário que defende a liberdade por inteiro. Ele também foi aprovado no RenovaBR.

Se eleito, um dos seus projetos é fazer um processo seletivo para contratação de pessoas para seu gabinete. Assim como ele tem se preparado para o cargo de parlamentar, quer trabalhar com pessoas técnicas, que entendam de especificidades do legislativo municipal. Segundo Ildo Bruno, além de fazer cursos no Instituto Legislativo Brasileiro (ILB), tem ainda estudado por conta própria.

Aponta que uma das suas maiores bandeiras será na educação de qualidade na primeira infância (de 0 a 6 anos). Como pai de um menino de quatro meses, contou que vê como essencial esse cuidado na primeira infância. Pretende criar o auxílio creche, aplicado pela prefeitura quando não existirem vagas nas creches municipais. Seria um tipo de bolsa para quem precisa deixar o filho numa creche. Disse que ainda lutará pela valorização do funcionário público, no combate a defasagem escolar e a ampla atenção aos jovens por parte do poder público municipal fazem parte dos princípios de Ildo, que como munícipe de Resende, sente o descaso. “Nós, jovens, fomos largados pela atual gestão. O Conselho da Juventude foi desativado, a Coordenadoria da Juventude foi extinta na reforma administrativa e o projeto Jovem Parlamentar também não existe mais na Câmara Municipal. Cadê a representatividade? Precisamos de espaço, precisamos ser ouvidos”, concluiu.

 

 

 

error: Conteúdo protegido !