Polícia identifica crimes ambientais dentro de área de preservação permanente em Itaguaí

0

ITAGUAÍ

Nesta quinta-feira, dia 11, após terem recebido denúncia sobre desmatamento com objetivo de realizar loteamentos irregular em Itaguaí encaminhada pelo Linha Verde (0300 253 1177) – programa do Disque Denúncia voltado para meio ambiente – policiais militares da 4ª UPAm procederam ao bairro Mazomba, onde identificaram a degradação ambiental de uma área com cerca de 300 metros quadrados.

Os agentes lotados na Unidade de Policiamento Ambiental do Parque Estadual da Juatinga informaram que, ao chegaram à Rua Antônio Manoel Marques, constataram uma área murada com marcas recentes de veículos de grande porte, sendo possível perceber a movimentação do solo, supressão de vegetação com corte e poda de algumas árvores. Os agentes realizaram diligências com objetivo de encontrar os suspeitos, mas sem sucesso, da mesma forma que não encontraram nenhuma placa de autorização ou licença, visto que o terreno encontra-se em área de preservação permanente. Diante dos fatos, a equipe se deslocou à 50ª DP, onde a ocorrência foi registrada com base nos artigos 39 e 60 da lei de crimes ambientais.

O Linha Verde, programa do Disque Denúncia voltado para o meio ambiente, solicita a ajuda da população para denunciar crimes ambientais em todo o Estado do RJ. Por telefone, as denúncias podem ser feitas pelos números 0300-253-1177 (custo de ligação local) ou (21) 2253-1177. O serviço também disponibiliza o serviço via Internet, através do aplicativo para celular “Disque Denúncia RJ”, pelo WhatsApp através do (21) 99973-1177, pelo site do Disque Denúncia ou pelo Facebook. Em todos os canais o anonimato é garantido ao denunciante.