Polícia Civil prende suspeito de morte de depiladora na Alegria Velha, em Resende

0

RESENDE

A Polícia Civil transferiu na tarde desta sexta-feira para a Cadeia Pública de Volta Redonda, o pintor automotivo, Josué Santos Evangelista, 34 anos, marido da depiladora Jandira Moreira Landim, 46 anos, cujo corpo foi encontrado, na noite do último dia 4, com lesões na cabeça em sua residência no bairro Alegria Velha. Josué foi preso, no final da tarde de quinta-feira, no bairro Paraíso, está sendo apontado como suspeito da morte da própria mulher.

O suspeito foi preso na residência de uma ex-namorada na Rua Agenor Marcondes Godoy, no bairro Paraíso. Ele não resistiu à prisão.

Segundo informações do Setor de Investigações Criminais da 89ª Delegacia Legal de Polícia Civil, o delegado assistente, João Ricardo Bicudo de Oliveira, solicitou a 1ª Vara Criminal da Comarca da cidade, um mandado de prisão temporária contra Josué. “Durante investigações e baseados em laudos de perícia e de necropsia, além de depoimentos de várias testemunhas, encontramos fortes indícios de que Josué é suspeito da morte de Jandira. Na semana passada, o delegado João Ricardo fez um pedido ao juiz Marvin Ramos Rodrigues Moreira que determinou a prisão temporária do suspeito”, explicaram os policiais civis, informando que a motivação do crime pode ter sido a venda do carro de Jandira. “O suspeito teria vendido o carro de Jandira, sem o consentimento dela. A vítima cobrava do marido o veículo. No entanto, ele teria prometido um novo carro, mas nunca cumpriu a promessa”, informaram.

Na delegacia, Josué não quis prestar declarações. Ele se reservou o direito de só prestar em juízo.

O corpo da depiladora Jandira Moreira Landim, 46 anos, foi encontrado, no último dia 4, com lesões na cabeça em sua residência no bairro Alegria Velha-Redes Sociais

CRIME

Na noite do último dia 4, policiais militares do 37º BPM foram acionados por volta das 22h15min para verificarem o encontro de um cadáver dentro de uma residência localizada na Rua João Alves de Oliveira. “Recebemos o chamado e fomos para a residência da vítima. Encontramos o corpo da mulher caído no chão de um dos cômodos da casa em uma possa de sangue. Uma equipe de resgate do Corpo de Bombeiros estava no local e havia confirmado a morte da mulher”, contaram os policiais.

De acordo com informações extraoficiais do Instituto Médico Legal (IML) de Resende, o corpo da depiladora apresentava lesões na cabeça e a causa da morte teria sido traumatismo craniano.

NA época, o  delegado assistente da 89ª Delegacia Legal de Polícia Civil, João Ricardo Bicudo de Oliveira  contou que ouviu o depoimento do marido da vítima , Josué Santos  Evangelista que contou que não estava em casa quando o corpo foi encontrado. Ele disse na delegacia que havia saído de casa por volta das 16 horas e só retornado por volta das 22 horas quando deparou com o corpo da mulher caído no quarto.

O corpo de Jandira foi enterrado no dia 5, no cemitério particular  Recanto do Vale, no distrito de Bulhões, em Resende.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !