Polícia Civil apreende 700 quilos de carne clandestina em Barra Mansa

0

BARRA MANSA
Nesta quinta-feira, dia 22, a equipe da 90ª Delegacia de Polícia (DP), coordenada pelo delegado titular Michel Floroschk, apreendeu 700 quilos de carne clandestina em Barra Mansa. Duas pessoas foram presas.
“Estamos com essa investigação há um tempo. Sabíamos que alguns açougues estavam comprando carne um pouco mais barata do que dos frigoríficos de Barra Mansa. E aí, de onde vem essa carne? Será se ela é de cavalo, se vem do Estado de São Paulo onde o imposto é mais barato?”, explicou o delegado ao A VOZ DA CIDADE.
Ele contou que nesta quinta-feira soube que esse caminhão viria fazer uma entrega em um açougue na região central da cidade. Quando o veículo chegou, baú, sem qualquer refrigeração, foi verificado diversas carcaças de boi. “Não tinha refrigeração nenhuma. Nada. Um cheiro podre, horrível. Então foi dada voz de prisão a esse homem que transportava por dois motivos, pelo crime de transportar alimento em desacordo com as normas administrativas, artigo 56; e crime contra o consumidor”, falou Michel.
Quanto ao dono do açougue, ele contou que ele foi autuado por receptação qualificada “porque ele comprava essa carne que era produto de crime anterior, pois ela não tem qualquer tipo de inspeção. Ela não tem identificação de sua origem, nada”, completou Floroschk, explicando que na delegacia, o homem que trouxe a carne disse que compra de fazendeiros, abate no pasto e faz o trabalho de desossar e vende nos acougues, sem qualquer tipo de fiscalização ou normas sanitárias.
Os dois, que têm 38 anos, foram levados para a delegacia para as medidas necessaria e a carne apreendida.