PM prende jovem com drogas no Jardim Jalisco, em Resende

1

RESENDE

Policiais do 37º Batalhão da Polícia Militar (BPM) prenderam, no final da noite de quinta-feira, Leandro Pereira da Silva, 22 anos, no bairro Jardim Jalisco. Na abordagem, os militares arrecadaram dez invólucros de maconha pesando 35,3 gramas.

A Unidade de Patrulhamento Tático Móvel (Patamo) fazia ronda no bairro Jardim Jalisco quando foi acionada para verificar um tumultuo em frente um campo de futebol de aluguel na Rua Rafaela Maria Bruno. “No local havia aglomeração de pessoas. Durante abordagem, revistamos o jovem e nada de ilícito foi encontrado. Já outro suspeito, que disse estar acompanhando o jovem, também foi abordado. Em revista nada de ilícito foi encontrado. Seguimos para fazer revista no veículo do suspeito e , encontramos no porta-luvas os invólucros de maconha”, contaram os militares que indagaram o suspeito sobre a droga. “O suspeito disse que a droga não lhe pertencia. Ele confessou que estava tomando conta do material entorpecente para uns ‘homens’ sem revelar os nomes”, informaram. Enquanto os policiais algemavam a dupla, um homem questionou a abordagem e, após não atender o pedido para afastar-se, foi detido por desacato.

O trio foi encaminhado para a 89ª Delegacia de Polícia. O delegado titular, Michel Floroschk, autuou Leandro por tráfico de drogas, permanecendo preso. Ele será apresentado na Cadeia Pública de Volta Redonda para audiência de custódia. Já o segundo jovem prestou esclarecimentos sendo arrolado como testemunha e liberado. Já o terceiro homem, foi autuado por desacato, prestou depoimento e foi liberado para aguardar a convocação da Justiça.

1 comentário

  1. O Jornal precisa ser claro e verdadeiro.
    O Tráfico de drogas está acontecendo sempre no Jardim Jalisco em frente ao Bar Nosso Mundo, em nada tem a ver com o campo de futebol de aluguel.
    O Bar promove a aglomeração de pessoas, que está atraindo traficantes que se aproveitam da aglomeração para realizar o tráfico, inclusive com menores. Diversos já foram flagrados sinalizando com as mãos que pertencem a facção criminosa “Terceiro Comando”.
    Este bar está desvalorizando toda a região do Jardim Jalisco, principalmente a Rua Rafaela Maria Bruno.