PM prende dois homens e apreende três jovens suspeitos de tráfico de drogas no Parque Minas Gerais, em Resende

0

RESENDE

Agentes do 37º Batalhão da Polícia Militar (RESENDE) detiveram o quinteto formado por David Viveiros da Silva, 26 anos e Daniel Luiz Pereira de Oliveira, 25 anos, além de três adolescentes com idades de 14, 16 e 17 anos, sendo duas delas moradoras em Piabetá, em Magé, na Baixada Fluminense e na Pavuna, bairro da Zona Norte do Rio de Janeiro. Eles são suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas, nos Condomínios de casas e de apartamentos Gardênia e Tulipa, no Parque Minas Gerais, na Região das Barras. Dois homens, cujo nomes estão sendo mantidos em sigilo e também seriam oriundos de Magé, conseguiram fugir durante a abordagem. Durante a ação foram arrecadados uma sacola plástica contendo 42 gramas de cocaína, uma balança de precisão, farto material utilizado para embalar drogas, entre eles, pinos, sacos plásticos, grampeador, tesoura e vários papéis picados com os dizeres “CPX de 10 tropa das casinhas”, três aparelhos de celular e um caderno com anotações da venda de entorpecentes local.

A equipe PATAMO recebeu denúncia de que em uma residência nos Condomínios Gardênia e Tulipa, um grupo de pessoas estaria embalando drogas. “A denúncia ainda dava conta da localização exata da residência de David, que seria gerente do tráfico de drogas do local pertencente à facção criminosa Comando Vermelho. Seguimos para o imóvel três homens, entre eles Daniel, parados em frente à residência. Eles estariam fazendo a segurança do local. Ao avistarem a guarnição, os suspeitos, entre eles, um que estava armado, fugiram. No entanto, Daniel foi detido a poucos metros do local”, contaram os militares, informando que parte da outra equipe entrou no imóvel e encontrou as três adolescentes em posse de farto material para embalar drogas, um saco de cocaína, três celulares e uma balança de precisão. “As jovens são oriundas de Piabetá e testariam em Resende apenas para trabalhar no tráfico local”, completaram.

Os policiais seguiram para outro imóvel no mesmo condomínio e encontraram David. “Em sua casa arrecadamos um caderno com movimentação do tráfico de drogas local. O suspeito seria gerente do tráfico”, informaram os militares.

O quinteto foi encaminhado para a 89ª Delegacia Legal de Polícia Civil (RESENDE) e o delegado titular, Marcelo Nunes Ribeiro autuou Daniel e David por tráfico de drogas, associação ao tráfico de drogas e corrupção de menores, permanecendo presos. A dupla será apresentada para audiência de custódia, na Casa de Custódia de Volta Redonda. Já as adolescentes vão responder por fato análogo ao tráfico de drogas e associação ao tráfico de drogas, ficando apreendidas. Elas serão apresentadas a Justiça.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !