PM detém suposto chefe do tráfico do Sapinhatuba I após disputa de território e tiroteio em Angra

0

ANGRA DOS REIS

Na noite de domingo, agentes do 33° Batalhão da Polícia Militar (BPM) apreenderam uma pistola Glock 9 mm, 20 munições, um celular moto G5 e um veículo Colbat Cinza, no trevo do São Cristóvão, após tiroteio no Sapinhatuba I. Cinco pessoas foram detidas, entre elas três mulheres.

Segundo registro na 166ª Delegacia de Polícia (DP), os militares estiveram no local após informações de um intenso tiroteio na comunidade, onde traficantes estariam disputando o ponto de vendas de drogas.

Segundo a PM, a disputa ocorria entre o Comando Vermelho (CV) e o Terceiro Comando Puro (TCP). Este segundo tem posse hoje no comércio ilícito no Sapinhatuba. “Estivemos no trevo com o intuito de fechar a Rodovia Rio-Santos (BR-101) para resguardar a integridade física dos motoristas devido a intensa troca de tiros”, registrou a PM.

De acordo com a equipe, foi avistado um veículo Colbat cinza em direção ao trevo São Cristóvão, onde “percebemos que o carona tinha se desfeito de um objeto pela janela do carro”, disse a polícia, contando que no automóvel estavam cinco pessoas, entre eles um elemento conhecido como ‘Barnabé’, que estaria a frente do tráfico na referida comunidade.

Diante dos fatos, todos foram encaminhados para a delegacia com o material citado. Dois deles assumiram fazer parte do tráfico e os outros dois tinham anotações criminais. O que conduzia o veículo também permaneceu apreendido.

Todos continuaram na unidade policial para as medidas necessárias.

O CASO

Um intenso tiroteio aconteceu em Angra dos Reis na noite deste domingo, por volta das 19 horas. Segundo informações, traficantes estariam disputando o território da Sapinhatuba I.

A Rodovia Rio Santos precisou ser fechada entre o trevo principal de acesso à Angra e o trevo de acesso ao Morro da Cruz.

Em vídeos divulgados nas redes sociais, era possível ouvir os disparos de forma contínua.

Durante a noite, a equipe da Policia Rodoviária Federal (PRF) questionada sobre corpos fechando a Rio-Santos, onde um vídeo que estava sendo compartilhado nas redes sociais mostrava a suposta ação de moradores, negou o fato.

Em outra imagem, esta confirmada pela PRF, era possível ver que a Polícia Militar estava no local alertando e impedindo que os motoristas passassem pelo trecho da Sapinhatuba.

UM DIA ANTES

Com o objetivo de dar uma resposta a criminalidade que vem assustando os moradores a Coordenadoria de Recurso Especiais, o Core, da Polícia Civil, realizou uma ação em diversas comunidades de Angra dos Reis, na Costa Verde do Rio de Janeiro, no último sábado.

O governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSL), o prefeito de Angra, Fernando Jordão (MDB), e o secretário de Polícia Civil, Marcus Vinicius Braga, acompanharam os agentes na aeronave usada na ação. E firmaram uma parceria para acabar com a onda de criminalidade que a cidade vem sofrendo. “A pedido do prefeito estamos aqui na cidade para firmar parceria e trazer paz para esse município tão lindo e acabar de vez com a criminalidade. Vamos colocar ordem na casa”, destaca o governador.

A parceria foi firmada entre Core, Policia Civil e Militar.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !