PM continua ocupando bairros de Volta Redonda após morte de policial

0

VOLTA REDONDA

Coordenados pela comandante do 28° Batalhão de Polícia Militar (BPM), tenente-coronel Luciana Rodrigues, a equipe militar de Volta Redonda segue ocupando os bairros da cidade, principalmente o Padre Josimo, após a morte de um policial militar ocorrida na comunidade nesta semana. Material do tráfico foi apreendido.

O flagrante aconteceu por volta das 21h10min, na Rua 21. Foram apreendidos 638 pinos de cocaína, um total de cerca de 320 gramas. O material foi encaminhado para a 93ª Delegacia de Polícia (DP), onde foi feito o registro de ocorrência.

JARDIM BELMONTE

Ainda na quinta-feira, os militares apreenderam mais drogas no bairro Jardim Belmonte. O flagrante aconteceu na Rua Barão de Mauá e um rapaz, de 28 anos, foi detido. O fato aconteceu por volta das 18 horas, sendo apreendidos 230 trouxinhas de maconha, 130 gramas, 138 pinos de cocaína, 93 gramas e R$ 40 em espécie.

Ele também foi encaminhado para a delegacia para as medidas necessárias.

O CRIME

Na madrugada de quarta-feira, 22, um policial militar morreu após confronto com criminosos no bairro Padre Josimo. Um homem foragido da Justiça também morreu na ocasião. O PM foi identificado como Leonardo Pinho da Silva, 29 anos, e seu corpo foi enterrado em Valença, no final da tarde.

Segundo informações, os militares faziam patrulhamento pela Rua 15, quando, ao notarem uma dupla suspeita em uma motocicleta, fizeram sinal para que parassem. Os dois, segundo os militares, atiraram contra a equipe, que revidou. O cabo foi atingido na cabeça e morreu dentro da viatura, a caminho do hospital. Um dos suspeitos morreu na hora e o outro fugiu.

O PM era morador de Valença e estava na corporação há oito anos.

MINHA CASA, MINHA VIDA

Ainda na quinta-feira, uma ação da PM no condomínio Minha Casa Minha Vida, no bloco 15, no Roma, prendeu um homem, foragido da Justiça. Os militares foram informados que no local estava um jovem, de 19 anos, que teria participado da morte do policial. O mesmo foi encontrado, porém, disse aos policiais, segundo a PM informou em nota, que teria participado de outro crime (uma tentativa de homicídio), no Monte Castelo, não o do cabo Pinho.

O mesmo foi conduzido até a delegacia, onde foi constatado mandado de prisão em aberto, permanecendo o mesmo preso.

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !