Pesquisa do Procon de Barra Mansa indica queda de 0,87% no valor da cesta básica 

0

BARRA MANSA

O Procon de Barra Mansa (Programa de Proteção e Defesa do Consumidor) realizou nos dias 30 e 31 mais uma pesquisa de preços dos alimentos que compõem a cesta básica. Os valores foram divulgados nesta quinta-feira, 1º, e apontam uma diferença da ordem de R$ 25 entre o estabelecimento com menor cotação de preços, R$ 211,52 (Royal) e a maior, R$ 224, 89 (Bramil).  Se comparada a última cotação de preços realizada no início de outubro, a pesquisa atual aponta um decréscimo no valor da cesta básica de 0,87%.

Ao todo foram analisados os preços de 34 itens em 10 estabelecimentos comerciais da cidade, que vão desde produtos alimentícios até itens de higiene pessoal e material de limpeza.  Na alimentação, o quilo do queijo mussarela foi um dos itens com maior variação de preços, de R$ 21,50 a R$ 28,49; seguido da linguiça pura de porco, com variação de R$ 15,99 a R$ 20,99; frango resfriado, com diferença entre R$ 5,20 e R$ 8,98; contra filé variando entre R$23,90 a R$ 29,90 e o quilo do açúcar refinado de R$ 8,99 a R$ 14,90.

Entre os produtos de higiene pessoal, o pacote com oito absorventes, tem variação de R$ 2,01 a R$ 6,95; já o papel higiênico personal apresentou uma diferença de preço entre R$ 3,65 e R$ 6,55. Nos itens de material de limpeza a água sanitária Super Globo chama a atenção, preço varia de R$ 1,49 a R$ 3,98.

O gerente do Procon Barra Mansa, Felipe Fonseca, reforçou a dica da economia. “Não tem jeito quem precisa economizar tem que pesquisar os preços. A dica vale não apenas para as compras de supermercados, mas também  na hora de adquirir uma roupa, calçado ou qualquer outro item de consumo.”, disse.

O Procon orienta aos consumidores a ficarem atentos a data de validade dos produtos e evitar latas amassadas. Importante também verificar as condições dos produtos em promoção.

error: Conteúdo protegido !