Pedro Fernandes percorreu as ruas da Zona Norte e conversou com os eleitores

0

RIO

Candidato ao Governo do Rio pela coligação “Renovar para Mudar” (PDT/PSB), Pedro Fernandes, fez corpo a corpo com eleitores nas ruas de Vista Alegre, bairro da Zona Norte do Rio.  O candidato reafirmou o compromisso de não privatizar a Cedae. “As pessoas reclamam muito da qualidade do abastecimento de água, há diversas ruas com falta d’água e sem tratamento de esgoto, mas é preciso reverter esse processo sem a privatização da Cedae”, disse.

Pedro explicou que o mais importante é fazer com que os quase R$ 800 milhões de lucro da empresa, a partir de 2019, sejam revertidos para obras de saneamento básico e na melhora do abastecimento de água nas casas da população.  “Não dá para aceitar, em pleno século XXI, as pessoas não terem acesso a um abastecimento decente, ao tratamento de esgoto e água em casa”, disse Pedro Fernandes, acompanhado dos candidatos a deputado federal, Adriano Passione, e estadual, Sergio Fernandes.

A segurança pública também foi assunto abordado pelo candidato. Ele declarou que vai investir em inteligência e tecnologia e na ampliação do Segurança Presente. Para Fernandes, a segurança é o grande problema do subúrbio da cidade do Rio de Janeiro, principalmente nos bairros de Cordovil, Irajá, Vista Alegre e Vila da Penha. “De imediato é preciso reforçar os batalhões para que os policiais fiquem nas ruas protegendo a população e dar condições de trabalho para que as delegacias retomem o poder de investigação. Não é aceitável apenas 2% de elucidação de crimes”, declarou o pedetista.  E concluiu: “vou investir na Segurança Pública, colocar policiais nas ruas e levar o Segurança Presente para o subúrbio, para as zonas Norte e Oeste e para a Baixada Fluminense”, concluiu.