Patrulha Escolar ajuda adolescente agredida pelo pai em Volta Redonda

0

VOLTA REDONDA

Na segunda-feira, dia 15, a Patrulha Escolar da Guarda Municipal atendeu a ocorrência de uma agressão sofrida por uma estudante de 12 anos. Segundo informado nesta terça-feira, dia 16, pela prefeitura, o caso ocorreu em um anexo de uma escola no bairro São Cristóvão, onde a vítima é aluna. “Uma moradora viu quando um homem dava socos nas costas, na cabeça e puxava o cabelo da garota e decidiu filmar com um aparelho celular. Ela levou as imagens até à diretora da unidade de ensino, que acionou a patrulha”, informou a prefeitura.

 

Ainda segundo a nota, com a chegada dos guardas De Souza e Carolina, a aluna foi chamada. Ela mesmo muito abalada pelo ocorrido, confirmou o fato e os agentes a encaminharam a direção da escola para o Conselho Tutelar. A menina afirmou já ter sido agredida outras vezes por ele; e a senhora que flagrou a agressão aceitou ser levada à Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam), onde fez o registro de ocorrência.

Ainda segundo a prefeitura, o Conselho Tutelar posteriormente oficializou a representação na Deam contra o autor e pai da menor de idade, solicitando medida protetiva em favor da adolescente, que posteriormente deverá ir para acolhimento institucional ou residência de familiares.

“Mais uma vez, a Patrulha Escolar fez um trabalho de excelência, conseguindo envolver os órgãos pertinentes para apurar o caso e tomar as providências necessárias. Não existe segurança pública sem a participação da sociedade. A coragem da senhora que filmou e denunciou o fato é para ser aplaudida, pois pode ter evitado uma tragédia ainda maior”, enalteceu o secretário Municipal de Ordem Pública, tenente-coronel Luiz Henrique Monteiro Barbosa.