Partido dos Trabalhadores de Volta Redonda homenageia mulheres

0

VOLTA REDONDA

O Partido dos Trabalhadores de Volta Redonda homenageou todas as mulheres brasileiras, especialmente as mulheres voltaredondenses neste dia 8 de março, que é um marco da luta das mulheres.
O Partido dos Trabalhadores sempre esteve presente na defesa dos direitos humanos das mulheres e foi pioneiro na defesa da participação feminina no PT e nos demais espaços de poder e direção do país, a conquista da paridade de gênero nas direções do partido, foi aprovada com comoção pela maioria indiscutível do partido no 4º Congresso Nacional do PT. Essa vitória garantiu que direções, delegações, comissões e cargos em funções específicas de secretarias sejam compostos por 50% de mulheres, o que serviu de exemplo para outros partidos e outros postos de poder e decisão da sociedade.

Segundo a nota divulgada pelo partido, o mês de março 2021 em Volta Redonda, está marcado por nenhuma mulher eleita para o legislativo e executivo da cidade, pelo desemprego, queda de renda e pelo agravamento da Pandemia. “As mulheres continuam sendo o segmento da sociedade mais penalizado pela Pandemia, sobretudo as mulheres negras. Dados do IBGE apontam que mais da metade da população feminina com mais 14 anos está fora do mercado de trabalho, mulheres que na maioria são as únicas responsáveis pelo sustento da família, o auxílio emergencial foi a única opção de prover o sustento de sua família e nesse momento se encontraram sem o auxílio, sem emprego e sem creche municipal para seus filhos. As mulheres voltaredondenses foram jogadas na mais profunda situação de penúria, sem renda e sem nenhuma representante feminina nos espaços de poder”, destacou.

A pandemia trouxe ainda o agravamento da violência doméstica e do feminicídio, com as mulheres confinadas em casa com o seu algoz, sem possibilidade de acessar as redes de proteção essa violência foi ainda mais potencializada. Como vimos as mulheres são as mais penalizadas com essa crise sanitária, econômica, social e política que estamos vivenciando no Brasil, com um Presidente genocida, fascista, misógino, homolesbofóbico, racista e machista.

error: Conteúdo protegido !