Parlamentar quer absorvente higiênico nas escolas públicas de Volta Redonda

0

VOLTA REDONDA
A Câmara de Vereadores de Volta Redonda aprovou, na sessão ordinária de terça-feira, dia 5, em segunda votação um Projeto de Lei do vereador Paulinho AP (DEM). O PL, segundo o parlamentar, institui o Programa de Fornecimento de Absorventes Higiênicos nas Escolas Públicas de Volta Redonda.Segundo o vereador, o assunto já foi pauta com o prefeito Antônio Francisco Neto e com a secretária de Educação, Therezinha dos Santos Gonçalves Assumpção, a Tetê, sobre a possibilidade dessa medida.
O parlamentar destacou que antes de apresentar o projeto conversou com o prefeito Antônio Francisco Neto e com a secretária Municipal de Educação, Tetê. “Eles foram receptivos e indicaram que não seria totalmente inviável a implantação dessa medida social que é tão importante, pois levará mais tranquilidade para as estudantes”, destacou Paulinho AP.
De acordo com a justificativa do projeto, as estudantes perdem em média 45 dias de aulas por ano, pois, quando estão no período menstrual, deixam de frequentar as aulas. Lembrou que o objetivo é evitar a evasão escolar das estudantes que estão em situação de vulnerabilidade social e econômica e não têm condições de comprar esse item. Além disso, de acordo co o vereador, também visa à prevenção de riscos de doenças, como a infecção urinária. “Nós entendemos que esse item de higiene deve ser provido para essas jovens, pois é uma questão de saúde pública”, explicou o vereador.
OUTROS PROJETOS
Outros dois projetos também foram aprovados na Câmara essa semana. Um transforma a “Semana da Juventude” em “Mês Municipal da Juventude”, estendendo as atividades durante todo o mês de agosto.
Segundo Paulinho AP, foi considerado o crescimento do número de jovens entre 15 e 29 anos no país e em Volta Redonda. Ele também destacou que a juventude da cidade ficou sem a realização da Conferência Municipal nos últimos anos e teve o Conselho Municipal da Juventude desfeito, o que levou a ausência de políticas públicas para essa parcela da população. “Para abraçar essa causa urgente, notamos, juntamente com a com a coordenadora da Juventude, Larissa Garcez, a necessidade de ampliar esse período para que a promoção da juventude e debates sobre o tema sejam intensificados”, disse.
O projeto foi feito em coautoria com os colegas vereadores Renan Cury e Hálison Vitorino, que também fazem parte da Comissão da Juventude da Câmara Municipal. Paulinho AP também tem coautoria no projeto do vereador Renan Cury sobre o acesso ao diagnóstico e ao tratamento médico em tempo adequado para paciente oncológico, sob o nome de “Programa de Navegação de Paciente para portadores de neoplasia maligna”. O principal diferencial desse projeto de lei é promover um atendimento individualizado de cada paciente, com um profissional que o acompanhará do início do tratamento até a alta médica. Para entrar em vigor, o projeto precisa da sanção do prefeito Antônio Francisco Neto.