Orquestra Sinfônica de Barra Mansa se apresenta na Igreja Matriz de São Sebastião

0

A Orquestra Sinfônica de Barra Mansa se apresenta hoje na Igreja Matriz de São Sebastião, no centro de Barra Mansa, o concerto terá início às 20 horas, com estrada franca.  A Orquestra abre o concerto com uma peça do compositor paulista Camargo Guarnieri, ‘Suite Vila Rica’, composta a partir da trilha sonora produzida por ele, em 1957, para o filme ‘Rebelião em Vila Rica’.

Em seguida a apresenta obras de três compositores norte-americanos, começando por ‘Quiet City para trompete, corne inglês e cordas’ de Aaron Copland, que ficou conhecido por trabalhos que refletem vários aspectos da vida na América. O concerto continua com ‘Adágio para cordas’ talvez a obra mais conhecida de Samuel Barber, que foi usada na trilha sonora de alguns filmes, com destaque para ‘Platoon’. Para encerrar o primeiro concerto da semana, a OSBM executa ‘Rhapsody in Blue’, de George Gershwin, que combina elementos de música clássica e blues.

Os solistas da noite são: Cristian Budu, piano, que desponta como um dos expoentes de sua geração, em âmbito internacional. Alexandre Inácio, primeiro trompete da Orquestra Sinfônica de Barra Mansa e Tiago Luiz, corne inglês que teve sua formação musical no Projeto Música nas Escolas.

A regência fica a cargo de Daniel Guedes, reconhecido como um dos principais músicos de sua geração, que vem atuando como violinista, violista, camerista, regente e professor. Venceu o Concurso Jovens Concertistas Brasileiros aos 13 anos, estudou na Guildhall School of Music, na classe de Detlef Hahn. Cursou bacharelado e mestrado na Manhattan School of Music de Nova York, na classe de Pinchas Zukerman e Patinka Kopec, no ‘Pinchas Zukerman Performance Program’.

Posteriormente estudou regência com o próprio Zukerman e com Mika Eishcenholz. Como regente atuou frente à OSB, Sinfônica de Campinas, Sinfônica Nacional da UFF, entre outras.  Atualmente é Regente Associado da Orquestra Sinfônica de Barra Mansa.