Óleo de algodão é a nova tendência das dietas

0

SUL FLUMINENSE

Óleo de coco, óleo de abacate, azeite de oliva. Estas são algumas das opções de gordura mais apontadas como saudáveis. Contudo, um novo queridinho começa a ganhar destaque: o óleo de algodão. Ele é rico em gorduras boas, as poli-insaturadas, o que pode ser bom para o colesterol.

De acordo com a nutricionista Raphaela Rocha, além disso, ele é uma opção para frituras que não adiciona tanto sabor, como as versões de coco e abacate. “O óleo de algodão possui um sabor melhor quando aquecido devido ao seu paladar mais forte que se assemelha ao das castanhas, sendo assim, é mais utilizado em preparações como molhos e refogados”, destaca.

Outra vantagem diz respeito à resistência às temperaturas muito quentes. “O que difere o óleo de algodão dos demais é sua capacidade de manter seus nutrientes mesmo quando exposto a condições de alta temperatura”, acrescenta. Ele é semelhante ao óleo de girassol, em relação à estabilidade da gordura”, cita.

Ainda assim, é necessária atenção, uma vez que o produto é bastante calórico e tem gordura saturada, a denominada como ruim que está ligada a um maior risco cardiovascular. Apesar disso, ele não é hidrogenado e é fonte de vitamina E, possuindo alguns possíveis benefícios que, apesar de já terem sido discriminados, precisam de maior embasamento científico. “Ele pode ser anticâncer, pois alguns estudos mostram que o consumo pode ter efeito antiproliferativo e melhor resposta do tumor à radioterapia, e cicatrizante, uma vez que a vitamina E é antioxidante e oferece efeitos positivos em tratamentos de úlceras e psoríase, por exemplo”, aponta Raphaela.

Ainda de acordo com a profissional, na indústria alimentícia, o óleo de algodão já é amplamente usado em produtos processados por aumentar a durabilidade de itens como biscoitos, chips de batatas, margarina e maionese.

Por motivos de saúde, a troca não é imprescindível, uma vez que existem outras opções que podem ser até melhores, dependendo do caso. Caso você queira experimentá-lo em casa, preste atenção nos rótulos, que devem ter a semente de algodão como ingrediente principal. “O indicado seria o consumo de óleo de algodão refinado, para que haja a remoção do pigmento gossipol, que pode ter efeito tóxico e ainda outros componentes que inviabilizam o uso no ramo alimentício”, alerta.

Benefícios do óleo de algodão

Melhora a saúde cognitiva

Previne o câncer de próstata

Reduz a inflamação

Ajuda a melhorar as funções gerais do corpo

Pode impulsionar o sistema imunológico

Promove uma pressão arterial equilibrada

Ajudar a prevenir doenças do sistema cardiovascular

Acelera o processo de cura

Promove uma pele mais bonita e saudável

Ajudar a induzir o crescimento saudável do cabelo

Dicas para escolher seu óleo de algodão

O óleo de algodão é um ingrediente que deve ser escolhido com muito cuidado. Então, veja algumas dicas para garantir a compra de um produto de qualidade e aproveitar os benefícios do óleo de algodão ao máximo.

Na hora de comprar, evite a versão hidrogenada, pois ela pode trazer problemas para a saúde. Isso acontece porque o processo de hidrogenação altera o perfil de ácido graxo, o que significa que as gorduras monoinsaturadas aumentam. Uma versão como esta contém 29% de gordura saturada, 50% de gordura monoinsaturada e 21% de gordura poli-insaturada.

Escolha sempre o óleo de algodão orgânico extraído de alta qualidade, o que garante que você obtenha os benefícios do óleo de algodão para a saúde. Diferente da hidrogenada, a forma natural carrega 27% de gordura saturada, 18% de gordura monoinsaturada e 55% de gordura poli-insaturada.

Outro detalhe fundamental é garantir que o óleo foi refinado, pois se não foi, ele pode conter uma substância tóxica chamada gossipol, que não pode ser digerida pelos seres humanos.

Confira sempre a procedência. É muito importante entender de onde veio o óleo de algodão, qual é o uso pretendido e a que nível de processamento ou refinamento ele foi submetido. A recomendação é comprar de um fabricante confiável e que zela pela qualidade de seus produtos.

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !