Obras do 46º Salão da Primavera podem ser visitadas no Museu de Arte Moderna de Resende

0

RESENDE

Quem quiser conhecer as obras que integram o 46º Salão da Primavera, considerado um dos eventos mais importantes do Estado do Rio- promovido anualmente pela Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda, através do Museu de Arte Moderna (MAM) de Resende- deve correr. Foi prorrogado até a próxima sexta-feira, dia 14, com visitação das 10 às 18 horas. O Museu de Arte Moderna, fica na Rua Dr. Cunha Ferreira, 104, no Centro Histórico de Resende.

O Salão da Primavera visa incentivar a produção das artes plásticas e torná-la acessível ao público, além de estimular a criatividade dos artistas, revelar novos talentos. Criado em 1972 e promovido anualmente pelo Museu de Arte Moderna da cidade, o evento atrai referências de diversas tendências das artes plásticas, agregando conceitos de vanguarda, e contribuindo para o fomento do intercâmbio entre artistas e tendências.

Nesta 46ª Edição foram distribuídos três prêmios. O artista Carlos Alberto da Silva – Cazoba recebeu o Prêmio Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda – oferecido pela própria Casa de Cultura-, pelo conjunto da obra “Obra da obra 1”, “Obra da obra 2” e “Obra da Obra 3”. Já o artista plástico Carlos Humberto Versiani Formaggini, o Kaká Versiani recebeu o Prêmio Altamiro Pimenta – distribuído pela Prefeitura de Resende-, e concedido ao artista pela obra “Germinação”. Enquanto Davi Augusto Pereira, o Davi.Nci recebeu o Prêmio Engenheiro Eitel Cesar Fernandes- ofertado pela Câmara de Vereadores de Resende, concedido somente a artista resendense, nascido ou radicado na cidade há mais de dez anos-, e concedido ao artista pela obra “Morgana”. Os prêmios de aquisição têm valor de cinco salários mínimos e as obras passam, automaticamente, a integrar o acervo do Museu de Arte Moderna. Também foram oferecidos cinco Prêmios Honoríficos com referências especiais do júri.

Segundo a diretora do museu, a museóloga Tatiana Avelino, 106 trabalhos de 51 artistas de diversas partes do Brasil foram inscritos no Salão este ano. Deste total, 50 obras de 26 artistas foram selecionadas e compõem a 46ª edição do Salão da Primavera.

A seleção dos trabalhos inscritos ficou a cargo de uma comissão julgadora formada especialmente para este fim e composta por três profissionais de reconhecido saber no campo das artes plásticas: a designer gráfico, Gisele Ferreira; o publicitário e também designer gráfico, Sérgio Cerante Ornellas e a professora e crítica de arte, Sônia Maria Gonçalves Siqueira. “A comissão julgadora avaliou os trabalhos inscritos levando em consideração critérios, entre eles, qualidade técnica da obra, relevância estética e conceitual, originalidade, criatividade e pesquisa”, explicou a diretora do MAM, Tatiana Avelino.

 “Exposição, que é uma das mais importantes do Estado, visa incentivar a produção das artes plásticas e torná-la acessível ao público, além de estimular a criatividade dos artistas, revelar novos talentos”.

 

MENÇÕES HONROSAS

Além da seleção das 50 obras do Salão, também receberam Menções Honrosas por suas obras inscritas, os artistas plásticos Juliana Bernabó, pelo conjunto da obra “Série Ponto de Equilíbrio I, II e III, em técnica mista; Maria Aparecida Machado Santos, a Cida Mathídios, pela obra “Os Encantados”, também em técnica mista; Tatiana Isabel Gallo Cipóli, pelo conjunto da obra “Resquícios” #1 (ou Campestre), “Recordação” #10 (ou saída) e “Recordação” # 01 (ou nadador,  em colagem sobre papel; Thiago Henrique Ferreira, pela obra “Gralha Azul”, gravura e Bernardo Rodrigues, pela obra “Igreja, Caminhos e Momentos”, fotografia.

A presidente da Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda, Denise Assis, ressalta que o nível dos trabalhos inscritos este ano foi muito elevado, o que se refletirá na qualidade do Salão. “Recebemos excelentes obras e, consequentemente, o trabalho de avaliação foi muito difícil e criterioso em meio a tanta qualidade. E esse rigor na avaliação é fundamental porque os trabalhos premiados serão incorporados ao acervo do MAM, tornando-se, desta forma, um patrimônio da cidade”, disse Denise.

OBRAS DO 46° SALÃO DA PRIMAVERA

André Aaltonem (Penedo/Itatiaia/RJ)

Antonio Geraldo (Volta Redonda/RJ)

Bernardo Rodrigues (Resende/RJ)

Cazoba (Quatis/RJ – Prêmio Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda)

Christina Tigre (Visconde de Mauá/Resende/RJ)

Cida Mathídios (Lorena/SP)

Da Luz (Lorena/SP)

Darshana Buhler (Maromba/Itatiaia/RJ)

Davi.nci (Resende – Prêmio engenheiro Eitel Cesar Fernandes)

Deni Dias (Lorena/SP)

Érico Vinícius (Barra Mansa/RJ)

Fernando Castelo Branco (Quatis/RJ)

Gabriel de Lemos (Bocaina de Minas/MG)

Gelson Mallorca (Resende/RJ)

Gilberto Vançan (Lorena/SP)

Juliana Bernabó (Penedo/Itatiaia/RJ)

Kacá Versiani (Penedo/Itatiaia/RJ – Prêmio Altamiro Pimenta)

Maria Passos (Itamonte/MG)

Milton da Cás (Resende/RJ)

Miro Martinelli (Resende/RJ)

Rita Abrão (Rio de Janeiro/RJ)

Scorcelli (Rio de Janeiro/RJ)

Tatiana Cipoli (São Paulo/SP)

Thiago Fernandes (Volta Redonda/RJ)

Thiago Ferreira (Itatiaia/RJ)

Orlando Feres (Barra Mansa/RJ)

error: Conteúdo protegido !