O segredo para criar reservas

0

 

Ao longo da minha vida profissional esbarrei com muitas pessoas que tinham um imenso desejo de guardar dinheiro pra realizar um sonho, mas nunca conseguiam. A história sempre se repetia, todos os meses existia uma bela justificativa que impedia de separar algum valor para os investimentos, ou os imprevistos apareciam e levavam embora a pequena reserva já acumulada. Eu e todas essas pessoas compartilhávamos um sentimento que talvez você que esteja lendo também encara, a dificuldade de deixar de gastar o dinheiro agora para ter um benefício no futuro.

Esse dilema se chama desconto hiperbólico subjetivo, e define nossa incapacidade de adiar uma recompensa. Quando somos crianças a nossa dificuldade em adiar o que queremos é mais forte, quem não lembra de algum episódio que viveu, ou vê o filho sendo invadido por uma tristeza tamanha a ponto de chorar, porque precisa almoçar primeiro e só depois comer a sobremesa? Ou fazer as tarefas e só depois brincar?

Com o passar do tempo as nossas experiências nos ensinam a não sofrer por adiar algumas satisfações. Temos que trabalhar trinta dias pra receber o salário, um ano pra ter férias, e por aí vai. Mas quanto mais subjetivo é o nosso compromisso com o futuro, mais difícil fica para ter disciplina e criar uma reserva. O que eu quero dizer é que guardar por guardar, sem saber pra quê ou por quanto tempo torna as coisas muito complicadas. Para a nossa cabeça é mais do que adiar uma satisfação, é jogar fora uma oportunidade de felicidade instantânea, mesmo que pequena.

Em um artigo científico, o neurocientista Jan Peters disse “Imaginar com força o futuro, acaba reduzindo a quantidade de escolhas impulsivas que fazemos”. A solução para nossa dificuldade é a criação de uma meta. Esta deve ser composta por objetivo e prazo. Determine algo realmente alcançável, estipule o tempo limite para conquistar e persiga seu objetivo. Não espere alguém te convencer que você precisa pensar no futuro, gerencie a sua própria vida e comece a crias suas metas dentro do que é real no seu cotidiano, a disciplina vai começar a ser mais recorrente. Você, mais do que ninguém, sabe onde estão suas forças e fraquezas.

Quanto mais sua reserva cresce, mais você se motiva a continuar poupando e investindo. Com o passar do tempo a disciplina ajuda nossa cabeça a ficar mais criativa e acaba nos mostrando novas estratégias para se chegar onde deseja.

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !