Decreto retoma horário de funcionamento das atividades econômicas de Barra Mansa até às 23 horas

0

BARRA MANSA

A partir de amanhã, dia 11, as atividades econômicas de Barra Mansa já poderão ocorrer até mais tarde. O decreto, que limitava o horário de todas as atividades até às 20 horas, incluindo, padarias, supermercado e restaurantes, encerra hoje, dia 10, e após nova análise, o prefeito Rodrigo Drable assinou um novo documento que permite o funcionamento até às 23 horas.  Desde o dia 4 todos os estabelecimentos comerciais funcionavam com o horário reduzido.

Segundo novo Decreto nº 9984, fica estabelecido pelos próximos dez dias para os bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos congêneres: o horário de funcionamento até às 23 horas; somente poderão ser utilizadas 50% das mesas do local; estabelecimento com capacidade para mais de 40 pessoas, deverão submeter todos os presentes a verificação de temperatura, não podendo ingressar aqueles com febre; proibido o consumo em calçadas e colocação de mesas, mesmo que o estabelecimento tenha autorização anterior do poder público; e está proibida a permanência de clientes em pé dentro dos estabelecimentos.

O estabelecimento que for flagrado desrespeitando as regras, pela fiscalização da Secretaria de Ordem Pública será fechado pelo período de sete dias.

Segundo balanço das ações da Fiscalização de Postura, divulgado pela prefeitura ontem, dia 10, no fim de semana alguns estabelecimentos foram multados por estarem funcionando após às 20 horas. Na última sexta-feira, dia 7, um bar localizado na Rua João Valiante, no Ano Bom, e uma farmácia na Avenida Joaquim Leite receberam a penalidade.

Já no sábado, dia 8, a fiscalização recebeu reforço da Vigilância Sanitária e da Guarda Municipal. Uma das equipes interditou um bar no bairro Roberto Silveira também por desrespeitar a restrição do horário determinado em decreto.

Segundo o secretário de Ordem Pública, William Pereira, ainda no sábado foram registradas inúmeras reclamações sobre aglomerações pelos telefones do Disque Denúncia (24) 3028-9369/3028-9339.

error: Conteúdo protegido !