Neto tem registro indeferido, mas diz que campanha segue normalmente

0

VOLTA REDONDA

A Justiça Eleitoral impugnou o pedido de registro de candidatura de Antônio Francisco Neto, para concorrer ao cargo de prefeito de Volta Redonda. A decisão foi publicada na tarde de hoje, dia 24, e ainda cabe recurso. Quatro ações de impugnação ao registro de candidatura foram apresentadas.  Após a decisão, Neto afirmou que a candidatura seguirá normalmente e que irá ao TRE-RJ.

Uma delas é a ação é do Ministério Público, que aponta as contas do ex-prefeito, em quanto ocupada o cargo do Executivo, teve suas contas rejeitadas pela Câmara Municipal. “Segundo o Parquet, na ocasião, foram identificadas as seguintes irregularidades que configurariam atos dolosos de improbidade administrativa: a) abertura de crédito suplementar sem autorização legislativa; b) inobservância da correta movimentação das verbas do Fundeb; e c) déficit financeiro e orçamentário no Fundeb”, destaca a sentença, destacando que isso pugnou, por fim, pelo reconhecimento da inelegibilidade de Neto por 8 anos, a contar de 18/04/2017.

Neto se manifestou nas suas redes sociais afirmando que a candidatura segue firme e forte, e destacou que a decisão em primeira instância que indeferiu o pedido, não o impede de prosseguir. “Podem ter certeza que vocês nos verão nas ruas e nas urnas. Respeitamos, mas lamentamos a decisão monocrática tomada pelo juiz eleitoral. Agora, vamos ao TRE-RJ e, se preciso for, vamos ao TSE ou ao STF”, publicou.