Neste calor confira as dicas para garantir a saúde dos pés no verão

0

BRASÍLIA

A época mais quente do ano está chegando e, com as temperaturas elevadas, muita gente já está aprontando malas e mochilas para curtir praias, cachoeiras e parques públicos.

Dentre os itens obrigatórios, o chinelo é um que não pode mesmo faltar. “Andar descalço, principalmente em ambientes com areia seca, pode acabar com a saúde dos pés de qualquer um”, alerta a podóloga Maria de Lourdes Pinheiro. O maior perigo, segundo ela, é a Tungíase, doença popularmente conhecida como Bicho de Pé. “Trata-se de uma parasitose causada por fêmeas de uma espécie de pulga, a Tunga Penetrans, que vive em zonas arenosas”, explica a especialista.

O bicho de pé pode ser removido facilmente, desde que realizada por profissionais, e a lesão é tratada geralmente em uma ou duas sessões, segundo a podóloga.

Mas atenção aos sintomas: a lesão causada pela penetração da pulga pode servir como porta de entrada para outras doenças, como infecções e até tétano, se o tratamento for postergado. Embora os nomes assustem, não há motivo para pânico, segundo Maria Lourdes. “Com cuidados essenciais é possível curtir o verão sem que os pés saiam prejudicados”, garante.

DICAS

Em locais com areia, use sandálias e chinelos;

Se for o caso de caminhar na areia da praia, a recomendação é optar por estar mais próximo do mar, pois a água leva os microorganismos, diminuindo os riscos de contaminação;

Evite levar animais domésticos à praia, pois as fezes podem conter parasitas;

Redobre os cuidados com as crianças, já que as brincadeiras na areia envolve outras partes do corpo, como mãos, braços e pernas.

Evite que os pequenos cubram o corpo com areia ou comam algo que tenha caído no chão;

Use cangas ou toalhas para evitar o contato direto com o solo arenoso;

É importante também prestar atenção aos sintomas: a lesão causada pela Tungíase é visível e é possível perceber uma pequena pápula marrom escura com um círculo claro ao seu redor;

O problema também pode causar dor ou coceira, portanto, ao notar tais incômodos, é necessário procurar um podólogo o mais rápido possível.

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !