Nascidos em janeiro recebem o saque emergencial do FGTS

0

SUL FLUMINENSE

A Caixa Econômica Federal libera a partir desta segunda-feira, dia 29, o pagamento de valores disponíveis em contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), com o limite de até R$ 1.045 (um salário mínimo). O banco liberou a consulta de saldo do FGTS e a data de crédito em conta e, posterior prazo para o saque em espécie.

O pagamento será realizado através de Conta Poupança Social Digital, que será aberta gratuitamente pelo banco para todos os trabalhadores com saldo em conta e aptos a receber o benefício. Por isso, o crédito será lançado inicialmente na conta social que deve ser movimentada através do aplicativo CAIXA Tem, permitindo o pagamento de contas e compras em lojas on-line e físicas, por exemplo. Posteriormente, conforme calendário, o beneficiário poderá sacar.

O calendário de liberação começa nesta segunda-feira para os nascidos no mês de janeiro, com o valor sendo creditado na conta digital, mas com direito a saque somente a partir de 25 de julho. O intervalo entre o crédito em conta e o prazo de saque será adotado também para os beneficiários nascidos nos meses subsequentes, tendo como proposta incentivar o uso do dinheiro através dos canais digitais, priorizando o pagamento de contas e compras. O governo tenta evitar as aglomerações de pessoas nas agências e lotéricas tentando realizar o saque em dinheiro.

CONSULTA

Segundo a Caixa, devem ser liberados R$ 37,8 bilhões e aproximadamente 61 milhões de trabalhadores com contas no FGTS poderão ser beneficiados. Para saber quanto tem disponível de saldo no FGTS e quando o valor será liberado, caso confirme essa modalidade de retirada de valores de sua conta de FGTS, o trabalhador pode acessar o site fgts.caixa.gov.br ou ligar para o Disque 111.

A consulta pode ser feita também pelo aplicativo FGTS e pelo Internet Banking da Caixa. Abaixo, a tela inicial na consulta pelo site da Caixa.

Pelo site o trabalhador terá que informar seu CPF, NIS, PIS/Pasep e senha para fazer o login – Reprodução

Na consulta realizada através do aplicativo FGTS ou no site da Caixa, existe a opção de o trabalhador que não deseja ter valores creditados do Fundo, indicar esta orientação. Porém, é preciso informar a Caixa pelo menos 10 dias antes da data de lançamento do crédito prevista no cronograma.

CALENDÁRIO DE PAGAMENTOS

O calendário do saque emergencial começa dia 29 e segue cronograma pelo mês de nascimentos de cada beneficiário, observando o intervalo de praticamente um mês entre a data de crédito na conta social e prazo de saque. Para permitir um cronograma de saque no segundo semestre de 2020 a todos os beneficiários, a Caixa compilou o calendário para os nascidos em julho/agosto, setembro/outubro e novembro/dezembro, conforme a tabela abaixo.

POUPANÇA DIGITAL

A movimentação do valor do saque emergencial poderá, inicialmente, ser realizada somente por meio digital com o uso do aplicativo CAIXA Tem, sem custo. Com o saldo na conta poupança social digital o trabalhador poderá pagar boletos e contas ou utilizar o cartão de débito virtual e QR code para fazer compras em supermercados, padarias, farmácias e outros estabelecimentos usando o aplicativo.

Somente quando tiver início o prazo de saque e transferência, o beneficiário poderá enviar os recursos da conta digital para a conta que desejar, em qualquer banco, sem custos. Vale ressaltar que o CAIXA Tem realiza somente transferências em DOC, com prazo de até dois dias úteis para compensar a transação entre instituições bancárias.

O aplicativo permite também o saque em espécie nos terminais de autoatendimento da Caixa e casas lotéricas e correspondentes CAIXA Aqui. Acessando o ‘Saque sem cartão’ pelo aplicativo CAIXA Tem, o sistema gera um código que tem prazo de validade de 1 hora. Nesse intervalo, seja no terminal eletrônico do banco, no atendente lotérico ou CAIXA Aqui, o beneficiário deve escolher opção de saque e informar seu CPF e o código gerado, procedendo com a retirada do dinheiro.

error: Conteúdo protegido !