Município de Quatis registra aproximadamente 90 mil procedimentos realizados no setor de saúde

0

QUATIS

Em recente balanço realizado pela Secretaria Municipal de Saúde, o município de Quatis contabilizou quase 90 mil procedimentos médicos e odontológicos realizados no período de 120 dias, entre os meses de setembro e dezembro de 2017. Foram exatamente 86.275 procedimentos registrados nas 15 unidades de saúde, perfazendo a média de 22 atendimentos ao mês.

Segundo o governo quatiense, a maioria dos atendimentos ocorreu no Hospital São Lucas – instituição filantrópica que atende emergências via convênio com a administração municipal. Neste caso, o total de 37.948 atendimentos. Em segundo lugar, no ranking de unidades prestadoras dos serviços na área da saúde pública em Quatis está o Programa Saúde da Família, que alcançou 27.046 procedimentos em apenas quatro meses.

Os dados foram repassados durante a audiência pública promovida recentemente pela Prefeitura de Quatis, no plenário da Câmara de Vereadores, através da Controladoria Geral do Município e da Secretaria Municipal de Saúde. “A nossa administração tem os investimentos na saúde como uma das suas prioridades. E preocupação com a saúde das pessoas deve estar acima de toda e qualquer outra demanda. Felizmente, graças ao trabalho realizado também pelos profissionais da saúde pública em nossa cidade, que atuam na ponta, estamos garantindo o atendimento necessário aos moradores”, declarou o prefeito Bruno de Souza (MDB).

O prefeito Bruno de Souza comentou os dados do setor de saúde – Foto: Divulgação PMQ

Segundo o levantamento, o Serviço de Vigilância Sanitária registrou 2.869 procedimentos no período de referência do relatório apresentado na audiência pública. Um total de 2.124 procedimentos foi alcançado na Unidade de Apoio Diagnóstico. Através deste serviço, são realizados exames de raios-x e de laboratório, ambos no Hospital São Lucas; ultrassonografias, na Casa da Mulher; e outros procedimentos feitos em unidades especializadas de outros municípios.

Já a Casa da Criança e a Casa da Mulher fizeram 1851 e 1.825 procedimentos de setembro a dezembro, respectivamente. Nos dois postos médicos da zona rural, a prefeitura registrou 1.692 procedimentos, sendo 1.034 na unidade do distrito de São Joaquim e 654 na unidade do distrito de Falcão. Quinhentos exames, incluindo as solicitações de alta complexidade, foram assegurados pela Secretaria Municipal de Saúde aos moradores da cidade por meio do TFD (Programa Tratamento Fora do Domicílio).