Microempreendedores lideram aberturas de novas empresas no Sul Fluminense

0

SUL FLUMINENSE

O número de novas empresas cresceu significativamente nas cidades do Sul Fluminense no comparativo entre os primeiros seis meses de 2018 perante o ano anterior. Segundo os dados fornecidos ao A VOZ DA CIDADE pela empresa Serasa Experian, responsável pelo relatório regionalizado do Indicador Serasa Experian de Nascimento de Empresas, a análise de 14 municípios da região indicam o setor de Serviços de Alimentação como o de maior destaque no surgimento de novas microempresas demonstrando a crescente adesão dos trabalhadores informais ao programa Microempreendedor Individual (MEI).

Os dados solicitados pela reportagem expressam a realidade das principais cidades do Sul Fluminense, citando o surgimento de empresas criadas nas cidades de Angra dos Reis, Barra do Piraí, Barra Mansa, Itatiaia, Mangaratiba, Paraty, Pinheiral, Piraí, Porto Real, Quatis, Resende, Rio Claro, Vassouras e Volta Redonda. A análise leva em consideração as empresas MEI, empresas individuais e sociedade limitada, sendo amplamente destacada a elevação dos MEIs na gestão dos negócios com dados positivos em todas as cidades pesquisadas. No geral, foram 8.163 novas empresas criadas nestas cidades no primeiro semestre, contra 7.266 do mesmo período no ano anterior, o que equivalente ao crescimento de 12,35%.

Em Angra dos Reis o total de novas empresas foi de 15,8%, com 1.007 microempresas criadas em 2017 contra as 1.166 deste ano. No município o número de MEIs subiu 40,4% no comparativo entre os dois primeiros semestres de cada ano – salto de 715 para 1.004 sociedades. Na cidade, o ranking de setores de maior nascimento de empresas no primeiro semestre de 2018 indica Serviço de Alimentação com 13,6%, seguido de Serviços de Higiene e Embelezamento Pessoal (7,5%). Segundo os economistas da Serasa Experian, tal fato pode ser atribuído ao empreendedorismo por necessidade, fenômeno associado ao comportamento abaixo do esperado na recuperação da economia brasileira, com a lenta reversão da taxa de desemprego e da retomada de mais vagas formais de trabalho. “Nesse contexto, os serviços de alimentação se destacam entre os ramos de atividade que mais motivaram a formalização, muitas vezes por conta da grande aceitação dos produtos ofertados e da sua representatividade no cotidiano de consumo das pessoas”.

Em Volta Redonda o total de empresas limitadas cresceu 10,7% e o total de MEIs subiu 30,8%, segundo a Serasa Experian. De forma geral, entre MEIs, empresas individuais, sociedade limitada e demais, a Cidade do Aço teve crescimento de novas empresas com 1.987 novas sociedades contra 1.755 de 2017, perfazendo o saldo positivo de 13,2% neste ano. Entre os cinco principais setores de surgimento de novas empresas constam Serviços de Higiene e Embelezamento Pessoal com 11,4%, seguido de Serviço de Alimentação com 11,1%, Comércio de Confecções em Geral (8,3%), Reparo e Manutenção de Prédios e Instalações Elétricas (7,2%) e Serviços de Propaganda e Publicidade (5%). Na cidade de Barra Mansa houve crescimento de novas microempresas em 16,3%, saltando de 1.165 novas sociedades criadas em 2017 para 1.355, no primeiro semestre deste ano. O número de MEIs subiu 34,6%. Na cidade o setor de Serviços de Alimentação lidera a criação de novas microempresas com 11,1%, seguido de Higiene e Embelezamento Pessoal (9,4%)

O setor de alimentação é um dos mais explorados pelos novos microempreendedores no país e na região, segundo a Serasa Experian

Segundo os dados da análise, nas Agulhas Negras, Porto Real e Quatis tiveram dados negativos quanto ao surgimento de novas empresas no período analisado, com -7,5% e -3%, respectivamente. Em Itatiaia, houve crescimento de 17,8% no total de novas microempresas geradas e o número de MEIs subiu 51,4%. Na cidade de Resende houve crescimento de 11,6% e o setor que mais gerou novas empresas foi Serviço de Higiene e Embelezamento Pessoal (10,3%), seguido de Serviço de Alimentação (9,4%).

A lista mostra a participação dos MEIs em setores da economia, com destaque para os Serviços de Alimentação seguido de Higiene e Embelezamento 

METODOLOGIA

Para o levantamento do Nascimento de Empresas foi considerada a quantidade mensal de novas empresas registradas na Junta Comercial do Rio de Janeiro bem como a apuração mensal dos CNPJs consultados pela primeira vez à base de dados da Serasa Experian.

 

CONFIRA O RANKING DOS SETORES NOS MUNICÍPIOS

Fonte: Os dados foram emitidos ao A Voz da Cidade pelo levantamento da Serasa Experian

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !