Meteorologista diz que chuvas de primavera ficarão abaixo da média histórica neste ano

0

SUL FLUMINENSE

Nessa quarta-feira, dia 22, nos despedimos do inverno às 16h20min e demos as boas vindas à primavera, que é a estação caracterizada pela transição do período de seca para o chuvoso. Contudo, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), durante esta estação, os efeitos do fenômeno climático La Niña farão sentir em parte do Brasil, tornando as chuvas irregulares. O A VOZ DA CIDADE conversou com a meteorologista do INPE, Caroline Vidal. Ela explicou que até dezembro a tendência de chuva é abaixo da média histórica em parte do Centro-Sul do país e a cima da média em parte do Centro-Norte.
O La Niña é um evento climático que ocorre no Oceano Pacífico, resfriando as águas e alterando a distribuição de calor e umidade em várias partes do globo. O fenômeno ocorre nos intervalos entre o El Niño. De acordo com Caroline Vidal, o período chuvoso se inicia entre outubro e novembro. Ela explicou ainda que, diferentemente do ano passado, em que ocorreu um atraso no período, neste ano se iniciará corretamente, contudo, com um volume bem menor que o esperado, caindo de forma irregular.
Na região Sul do Estado do Rio de Janeiro, de acordo com a meteorologista, para o último trimestre do ano – outubro, novembro e dezembro – soma-se entre 500 e 700 milímetros de chuva. “Isso é o esperado normalmente, sem as alterações climáticas”, disse, completando que é neste período que se espera um maior volume de chuva para manter os reservatórios. “A crise hídrica, por exemplo, não é por causa do período de estiagem de seca que estamos saindo, mas por irregularidades de chuvas que já vêm ocorrendo neste período de primavera há dois anos consecutivos e agora iremos para o terceiro”, destacou.
TEMPERATURA ACIMA DA MÉDIA
“Como o volume de chuva será irregular e abaixo da média, no final desse período a temperatura também pode ficar acima da média”, disse Caroline Vidal, finalizando que apesar disso, esse ano é mais otimista que no último, uma vez que, em 2020, o período chuvoso começou atrasado e também ocorreu de forma irregular.

error: Conteúdo protegido !