Menor é apreendido com drogas e homem é preso com pistola e munições em Porto Real

0

PORTO REAL

O 37º Batalhão da Polícia Militar deteve duas pessoas em menos de 24 horas nos bairros Freitas Soares e Jardim Real. No primeiro caso, um menor de 17 anos foi detido, na noite de terça-feira, suspeito de tráfico de drogas. Na ação, os militares encontraram duas trouxinhas de maconha pesando 3,3 gramas, a quantia em dinheiro de R$190,00 e um celular. Na, em uma ação conjunta da Polícia Militar com a Civil, na manhã de quinta-feira, Aleef da Silva Mendes, mais conhecido como “Pill’, 21 anos, os militares arrecadaram uma pistola Taurus calibre 9 mm sem numeração contendo 13 munições.

Por volta das 22h30min, a unidade de Patrulhamento Tático Móvel (Patamo 3) fazia ronda pela Rua Quinze quando percebeu que o jovem correu para sua residência quando avistou a viatura. “Conseguimos abordar o suspeito e em revista encontramos duas trouxinhas de maconha, um celular e R$ 190,00. O menor contou que o dinheiro e o celular seriam de sua mãe. Em contato com a família, a mãe do menor disse desconhecer a procedência do valor arrecadado com seu filho”, contaram os militares que não foram autorizados pelos familiares a realizarem buscas na residência.

Quando encaminhava o menor para a 100° Delegacia Legal de Polícia Civil de Porto Real, os militares observaram que na tela do celular do menor mensagens perguntando se o jovem tinha maconha para vender.

O delegado titular Marcelo Haddad, autuou o menor por fato análogo ao tráfico de drogas, ficando apreendido para ser apresentado a Justiça.

: Ao cumprir um mandado de prisão por violência doméstica, a PM encontrou com Aleef, uma pistola calibre 9mm com 13 munições-Divulgação

Na manhã de quinta-feira, em uma ação conjunta com a Polícia Civil, os militares prenderam Aleef da Silva Mendes, na Rua Onze, no bairro Jardim Real. Contra ele havia um mandado de prisão preventiva pelo crime de violência doméstica. No momento da abordagem, Aleef foi encontrado com  uma pistola calibre 9mm com 13 munições. Apresentado na delegacia para cumprimento do mandado de prisão preventiva, o delegado Marcelo Haddad ainda o autuou de acordo com a Lei do Desarmamento, por porte ilegal de arma de fogo e munições.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !