Marcelo Trindade tem agenda neste sábado em Barra Mansa

0

BARRA MANSA

O candidato ao governo do Rio pelo Partido Novo, Marcelo Trindade estará neste sábado em Barra Mansa, num encontro com comerciantes e empresários locais. Ele estará a partir das 15 horas, na Associação Comercial, Industrial e Agro Pastoril (Aciap), na Avenida Domingos Mariano, 196, no Centro de Barra Mansa.

Em seu plano de governo, Trindade prevê tolerância zero com a corrupção e choque de eficiência no Rio de Janeiro. Destaca que se eleito o governo terá metas de desempenho e avaliação influenciará remuneração de servidores;   Gestão será 100% técnica, sem lugar para indicações políticas de pessoas sem qualificação;  o  Estado concentrará atuação em Segurança, Saúde, Educação e qualidade dos serviços públicos.

O Plano de Governo do pré-candidato do Partido Novo ao governo do Rio de Janeiro, Marcelo Trindade, prevê a adoção de um choque de eficiência e cidadania para uma mudança radical da forma de governar. O Estado vai concentrar a atuação em Segurança, Saúde, Educação e na exigência de mais qualidade dos serviços públicos prestados pela iniciativa privada em regime de concessão. O plano foi encaminhado ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ).

O projeto é marcado pelo senso de realidade, sem promessas impossíveis de serem cumpridas. Devido ao colapso financeiro do Estado, estão previstas medidas duras de ajuste, além do cumprimento do Plano de Recuperação Fiscal firmado com a União. Serão cortados desperdícios identificados, incluindo privilégios, incentivos e adicionais de salários que tenham sido concedidos de forma irregular ou que não atendam ao interesse público.

O Plano de Trindade prevê que o governo do Novo terá metas de desempenho baseadas em indicadores de redução de custos e em eficiência. A ideia é que o resultado influencie a remuneração dos servidores. A gestão será 100% técnica, sem a distribuição de cargos de confiança por indicações que não atendam a critérios de capacitação técnica.

Desburocratização é outra palavra-chave do choque de gestão planejado pelo Novo. Trindade quer revolucionar a relação entre o cidadão e o Estado, com um atendimento completamente diferente. A autodeclaração do cidadão será considerada em diversas situações, substituindo a prévia verificação de certidões. Em compensação, quem fizer falsa declaração ao Estado será punido com rigor.

Em seu plano de governo, segura, saúde e educação terão prioridades.

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !