Jovem de Barra do Piraí necessita de cadeira de rodas especial

0

BARRA DO PIRAÍ

Com paralisia cerebral, o jovem Gabriel Rocha Arantes Reis, de 20 anos, precisa com urgência de uma cadeira de rodas especial, que custa R$ 14 mil, dinheiro que a família dele não dispõe no momento. A dona de casa Ana Paula Rocha Muniz, de 39 anos, contou ao A VOZ DA CIDADE que reside no bairro São Francisco, em barra do Piraí, e que o filho dela é portador de paralisia cerebral tetraplegia espástica, o que impede dele ter coordenação motora nos movimentos.

Ana Paula garante que, mesmo diante da situação, Gabriel é alegre e interativo. Lembrou que, como gosta muito de interagir, o jovem é bastante conhecido na região onde mora, mas como não pode comprar a cadeira especial, nos últimos dias está totalmente impedido de sair de casa e se encontrar com os vizinhos na rua. “A cadeira que Gabriel necessita com urgência é adaptada para as suas necessidades. Como não temos condições de comprar a cadeira nesse momento, decidimos lançar essa campanha na internet com a finalidade e arrecadar o dinheiro da compra da cadeira especial para ele”, contou a mãe.

CUIDADOS 24 HORAS

A dona de casa lembrou que o filho dela necessita de cuidados 24 horas por dia, já que ele não possui coordenação motora. Ele precisa de ajuda para a realização de todas as atividades, como alimentar, tomar banho e sair e retornar para a cadeira de rodas. “Os gastos com Gabriel não se resumem em apenas na alimentação, roupas e outros, mas também com a

compra dos medicamentos que ele precisa, que são de alto custo. E isso, vem dificultando ainda mais a compra da cadeira, pois as despesas são altas”, contou Ana Paula.

A dona de casa ressaltou ainda que essa medicação o filho dela usa desde o início do ano quando esteve internado na UTI com problema no pulmão. “Por ele se manter deitado na maioria do tempo, seu pulmão foi afetado. Na ocasião, o médico disse que se ele não fizesse o uso desse medicamento a situação dele pioraria. Por isso, não medimos esforços para adquirir o remédio mensalmente com um custo de R$ 1, 8 mil a R$ 2 mil. Sendo assim ficamos sem condições de comprar a cadeira e por isso decidimos fazer o melhor para o meu filho”, contou a mãe, ressaltando que para conseguir o remédio vai entrar na Justiça, mas sabe que é demorado. Por isso, lançou a campanha para comprara a cadeira.

O PRÓPRIO JOVEM PEDIU PARA FAZER A CAMPANHA

Ana Paula informou que foi o próprio filho que pediu para fazer a campanha, já que está sempre ligado nas redes sociais. “Meu nome é Gabriel, tenho 20 anos e sou portador de paralisia cerebral. Sou um cara alegre e contente com a vida! Preciso de uma cadeira de rodas nova, pois a minha já está muito pequena por conta do meu tamanho. Infelizmente eu e minha família não temos condições para comprar devido ao custo ser muito alto. Conto com a ajuda de vocês”, conclui a mensagem deixada pelo jovem na página da vaquinha online. “Ele não tem controle motor, mas ele entende tudo que falamos para ele. Meu filho está sempre olhando as redes sociais e foi em um dos grupos que seguimos que ele viu algumas campanhas e me pediu. Falei com a minha filha e lançamos a campanha com o objetivo de conseguir os 14 mil reais para comprar a cadeira especial.

Qualquer pessoa que quiser e puder ajudar o Gabriel a comprar a cadeira de rodas especial para continuar se interagindo com as pessoas, deve acessar o link https://www.vakinha.com.br/vaquinha/cadeira-de-rodas-gabriel-rocha-a-reis e doar qualquer quantia. Até o momento já foram arrecadados R$ 2.185.

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !