Jovem da região é selecionado para o programa RenovaBR

0

Foi criado em outubro do ano passado o RenovaBR; um projeto com o propósito de acelerar novas lideranças políticas e renovar o Congresso Nacional e assembleias legislativas. Em sua página oficial é definido como uma grande mesa de centro e os integrantes afirmam que nunca serão um partido político. Segundo eles, a entrada de pessoas novas na política é muito difícil e, por isso, quase não existe renovação. “Queremos mudar esse cenário”, dizem. E a primeira turma já está formada e conta com um representante do Sul Fluminense: o jovem Marco Rodrigues Júnior, de 25 anos. Todos sendo preparados para disputar as eleições deste ano.

Ao todo, se inscreveram para participar do RenovaBR quatro mil pessoas de todo o país. Foram selecionadas 100 e no início do mês de fevereiro já se reuniram para iniciarem a capacitação de serem novas lideranças políticas. O programa segue até o mês de julho, quando depois os participantes se lançam na disputa eleitoral. Nesse projeto, os integrantes recebem formação política, capacitação, treinamentos necessários para campanha e posteriormente, caso sejam eleitos. A iniciativa é gratuita e cada participante recebe uma bolsa de estudos para poder se dedicar ao curso.

“Já estivemos 15 dias em São Paulo iniciando a capacitação e voltaremos agora no mês de março. O curso é semipresencial e precisamos, quando estamos em casa, estudar, fazer avaliações online. Para continuar recebendo os benefícios precisamos ter o mínimo de 80 pontos nas avaliações”, disse Marco, que é barra-mansense e morador de Volta Redonda há sete anos.

Marco Rodrigues Júnior já se coloca como um pré-candidato a deputado estadual. Formado em engenharia mecânica, tem atualmente uma empresa que intitula como uma escola de habilidades humanas, voltado para o autoconhecimento e o poder de ouvir. E foi graças ao trabalho que desenvolve com jovens em sua empresa que foi credenciado para participar do RenovaBR. “Eles buscam pessoas comuns que não teriam ligação com a política, mas que têm trabalho de liderança na sociedade. Entenderam que com o impacto que meu trabalho gera, seria possível eu me desenvolver como liderança política”, contou Marco.

PARTE DA MUDANÇA

Ele, inclusive, não tinha até então vontade de ingressar na política. Mas conta que ao conhecer o trabalho do RenovaBR, se interessou em fazer parte da mudança pretendida. O partido político ainda não foi escolhido por ele, que espera definir dentro de duas semanas. “Essa proposta de envolver cidadãos comuns, que não entrariam para a política porque não teriam facilidade de acesso, me interessou. Seriam pessoas que já fazem um trabalho de impacto na sociedade, que querem ajudar a renovar a política no Brasil, tornar o país mais sério, trazer um resignificado para a política. A minha empresa é mais um movimento de impacto na sociedade. Percebemos que as políticas públicas têm muito impacto e as nossas políticas atuais são deficientes e que poderiam fazer muito mais pelas pessoas de todas as classes sociais”, explicou o pré-candidato, completando que se o brasileiro conseguir eleger um grupo realmente bem intencionado, preparado e capacitado, pode melhorar muito o país.

E entendendo que o Brasil é composto por pessoas de todas as classes sociais, ideias e gêneros que Marco Rodrigues Júnior destaca um ponto importante do curso até agora: a diversidade trabalhada. Além de professores capacitados, segundo ele, todos os assuntos tratados pelos participantes ganham um contexto completo porque existe a participação de pessoas de todas as classes, idades, estados, abrangendo todas as perspectivas da sociedade para que o maior número de pessoas possa ser atingido. Marco conta que não é um programa eletista, favorecendo uma classe ou outra, mas sim que consegue trabalhar por todos em cima da diversidade. Nada mais sendo do que o objetivo que deveria ter todo o político: trabalhar por todos.

RENOVABR

O programa é uma organização sem fins lucrativos que tem como objetivo principal capacitar novos talentos com potencial para disputar as eleições. Segundo a associação, a política precisa de pessoas motivadas para servir a sociedade na construção de um país melhor, dentro de regras democráticas, com ética e honestidade. Democracia, ética e vontade de servir a sociedade são os valores do projeto que buscou na agenda de Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU) referências para o futuro do Brasil.

A formação aos 100 selecionados contará com os principais temas relacionados à vida política, como o funcionamento do Poder Legislativo, marketing político, Direito Eleitoral, liderança e ética, perfil do eleitor e eficiência do Estado. Além do curso, os novos talentos vão receber acompanhamento individualizado de coaches da Sociedade Brasileira de Coaching, referência internacional no assunto. A bolsa mensal dada aos participantes varia de R$ 5 mil e R$ 12 mil, calculada com base no rendimento médio nominal mensal, de acordo com a Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílio (PNAD), divulgada Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). “Em contrapartida, esses talentos devem ter compromisso com a transparência e motivação inesgotável para fazer do Brasil um país melhor para se viver”.

O curso do RenovaBR mescla aulas presenciais e à distância. A carga horária total é de 240 horas, entre atividades obrigatórias e eletivas.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !