João Itatiaia, pré-candidato a prefeito, apresenta quatro pilares de trabalho para cidade

0

ITATIAIA

João Carlos Dias de Oliveira, o João Itatiaia, é pré-candidato a prefeito pelo PV. Morador de Itatiaia há 11 anos, depois de se apaixonar pela cidade, disse que nunca se candidatou a nada, mas teve esse despertar nesse ano por conta da “covardia com a população”. “Nunca pensei em política, sou um cara bem estabelecido, mais diante dessa situação na cidade onde há um grupo, onde pessoas trocam de lugar como se fossem peças de tabuleiro, decidi participar. A população não deve se enganar com políticos que estão vendendo a ideia de representar algo novo, mas são a velha política”, disse.

O pré-candidato, que é coordenador do Partido Verde no Sul Fluminense, disse que pretende trabalhar em cima de quatro pilares, se eleito, para mudar Itatiaia. São eles: saúde, segurança, transporte e educação. “A cidade tem uma das maiores arrecadações do país. São R$ 300 milhões ao ano. E o povo não tem nada. Nada funciona como deveria em Itatiaia”, afirmou João Itatiaia.

Na saúde cita que o hospital municipal precisa de maior atenção para que os munícipes tenham atendimento digno, sem precisar procurar outras cidades, como Resende, que tem a metade da arrecadação de Itatiaia. Segundo ele, a saúde precisa ser prioridade e ter investimento máximo e não o mínimo como tem sido feito. Cita que é preciso ampliar o hospital.  Além disso, falta um centro de imagens no município. “Na parte alta, na região de Visconde de Mauá, precisa ter médico 24 horas. Já vi turista morrendo por falta de atendimento, se tiver de carro demora uma hora para chegar em Itatiaia, isso se não tiver que ir para Resende. É preciso ter médico lá, uma UTI móvel também funciona”, afirmou João Itatiaia.

Na segurança pública, embora seja uma obrigação do estado, o pré-candidato diz que buscará parcerias para ajudar, fazer um trabalho preventivo, investir mais na Guarda Municipal. Segundo João Itatiaia, a cidade é turística e nem monitoramento por câmeras tem.

No transporte, outro problema citado pelo vereador. Segundo ele, é preciso que o gestor público se posicione, pois na região dos vales, por exemplo, só passa um ônibus pela manhã e outro no final do dia para Itatiaia. “Como será fomentado o comércio local? Não dá. As pessoas vão para Resende que tem mais horário de ônibus. Estamos falando de cerca de dez mil pessoas. Isso sem contar que tem bairro que ainda não passa ônibus. Primeira coisa que tem que fazer é outra licitação, estabelecendo critérios para cumprimento da empresa vencedora”, afirmou o pré-candidato a prefeito.

A valorização do professor será foco de João Itatiaia se eleito. Ele disse que batalhará para a implantação da educação integral na cidade e implantará cursos profissionalizantes visando a geração de mais postos de trabalho. “O turismo é a forma mais rápida de fomentar o trabalho, mas não é todos que têm vocação para isso. Itatiaia está entre o eixo Rio-São Paulo e precisamos profissionalizar os munícipes. As empresas entram na cidade e trazem o pessoal de fora para trabalhar. O gestor tem que ver o que é bom para o povo e precisa estabelecer um percentual para funcionários da cidade”, disse.

Outro projeto é fomentar o turismo de Itatiaia como um todo, tirando o foco apenas de Penedo. Ele pensa em valorizar mais o Parque Nacional e levar uma arena multiuso para a estrada do parque criando um calendário cultural para o ano todo. Pensa ainda em criar uma casa do artesão, a casa do turista, além de oferecer um atendimento correto ao turista na cidade. Pretende ainda cuidar das estradas municipais para que as cachoeiras que hoje são mal exploradas sejam mais atrativas.

error: Conteúdo protegido !