Humorista Pedro Manso nega que tenha sido preso em Paty do Alferes

0

SUL FLUMINENSE

O humorista Pedro Manso se manifestou hoje em suas redes sociais após ter sido conduzido do seu sítio, ontem, durante uma operação deflagrada pela Polícia Civil em Paty do Alferes e região, para a delegacia de Itaipava (106ª DP, na região Serrana). Ele negou que tenha sido preso e falou que existem pessoas querendo sujar a sua imagem.

Manso disse que esteve na delegacia e prestou esclarecimentos, mas disse que foi uma jogada política. “Pois surgiram boatos que eu seria candidato. Mas não procede, não penso nisso”, garantiu, dizendo que seus projetos continuam. “Sou cara de bem, de Deus e vim para trazer alegria”, disse, explicando que recebeu com tristeza as notícias compartilhadas com o seu nome nas redes sociais.

O nome do humorista apareceu na mídia após uma operação para prender ‘matadores’, ocorrida em Petrópolis, tendo alvos em Vassouras, Paty do Alferes e Valença.

O delegado responsável pelo Departamento Geral de Polícia do Interior (DGPI), Alexandre Ziehe de Petrópolis, confirmou o cumprimento de mandado de prisão no sítio de Manso e que o mesmo foi encaminhado à delegacia por porte ilegal de arma de fogo.

Em toda a operação, dez pessoas suspeitas de participarem de um grupo de extermínio foram presas.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !