Hospital Municipal Manoel Martins de Barros poderá ganhar leitos psiquiátricos

0

ITATIAIA

O Hospital Municipal Manoel Martins de Barros poderá ganhar mais dez leitos psiquiátricos. O pedido foi feito pelo vereador Eduardo de Almeida Pereira, o Dudu Pereira (PMDB) por meio da indicação N.º 232/2017, que foi aprovada em plenário. A proposta foi encaminhada para o prefeito Eduardo Guedes, o Dudu (PMDB) avaliar.

O Hospital Municipal Manoel Martins de Barros poderá ganhar mais dez leitos psiquiátricos – Cyntia FreitasNa justificativa da propositura, o vereador Dudu Pereiraexplica que a criação de mais leitos no Hospital Municipal é necessária, pois atualmente o município conta apenas com dois leitos psiquiátrico regulados. Ele ainda informa que os dois leitos existentes na unidade de saúde sequer tem lugar apropriado e profissional qualificado para atender aos munícipes.“Quando ocorre uma internação os munícipes ficam em enfermaria comum juntamente com outros pacientes. Atualmente na Rede de Apoio Psicossocial (RAPs) estão cadastrados 1.423 usuários, sedo que 350 no Centro de Atenção Psicossocial (CAPs); 20 na UBSI Campo Alegre; 96 na policlínica Penedo. Além disso, só em tratamento ambulatorial temos o montante de 1.168 usuários, sendo que estes aderiram aos programas oferecidos pelo município. No entanto, não podemos deixar de lembrar que ainda temos os que não aderiram e nem aderem aos programas e que não podem ficar à margem sem nenhuma atenção e que a qualquer momento podem entrar em surto psicótico”, justifica o parlamentar.

Dudu Pereira ainda destaca que a Portaria de N.º 148, de 31 de janeiro de 2012 do Ministério da Saúde,não proíbe a criação de tais leitos, mas deixa em aberto para que municípios com até de 100 mil habitantes, podem ter acesso ao serviço. “Portanto urge que os equipamentos implicados devem tomar a iniciativa em fazer os projetos e estes deveram ser enviados para a secretaria de competência e apresentada ao ministério da saúde para avaliçãoe aprovação do projeto e implantação do mesmo”, defende o vereador.

error: Conteúdo protegido !